Conservatório Musical do Vale do Juruá homenageia presidente do TJAC por apoio ao projeto

Desembargadora-presidente Waldirene Cordeiro recebeu a placa de “Amiga do Conservatório”, um projeto coordenado pelo Ministério Público do Acre, que é reconhecido nacionalmente pelo resgate social realizado e pela qualidade dos músicos e músicas

 

Embalados por boa música e encantados com o talento artístico de jovens de Cruzeiro do Sul, os integrantes e as integrantes do Tribunal de Justiça do Acre (TJAC) foram ao Conservatório de Musical do Vale do Juruá, na quarta-feira, 30. Na ocasião, a presidente do Tribunal, desembargadora Waldirene Cordeiro, recebeu homenagem pelo apoio oferecido ao projeto que é conduzido pelo Ministério Público do Acre (MPAC).

Na placa, entregue a magistrada acreana pela mão do promotor de Justiça Iverson Bueno, está escrito “Amiga do Conservatório”. A homenagem deve-se ao suporte que o Judiciário confere a ação musical coordenada pelo MPAC em Cruzeiro do Sul, que é reconhecida nacionalmente, tanto pelo resgate social realizado, quanto pela qualidade dos músicos e músicas.

 

 

Também estavam os integrantes da atual gestão do TJAC, o vice-presidente Roberto Barros e o corregedor-geral da Justiça Elcio Mendes, além dos desembargadores e desembargadoras, servidores e servidoras que foram à Cruzeiro do Sul pela Semana do Judiciário no Juruá. Ainda participaram da ação o prefeito da cidade, Zequinha Lima, e servidores do Município.

Após ser homenageada, a presidente do TJAC entregou uma doação pessoal ao Conservatório, uma guitarra. A magistrada discorreu sobre a alegria de presenciar o trabalho dos artistas do projeto, como a pianista e professora Iorrana, a banda “Garotos do Sotão”, e ao final o cantor Gustavo Matias, finalista do Programa de televisão The Voice Brasil, deu uma palhinha. Por isso, que citando o autor Ferreira Gullar, a desembargadora Waldirene Cordeiro agradeceu o préstimo, dizendo “A arte existe porque a vida não basta”.

Andréa Zílio e Emanuelly Falqueto | Comunicação TJAC