Administração do TJAC apresenta resultados de primeiro ano de gestão

Publicação mostra os desafios e ações da atual Administração em pouco mais de 300 dias de gestão, e também as conquistas do Poder Judiciário do Acre, que foi Selo Ouro no Prêmio CNJ de Qualidade em 2021

Com pouco mais de 300 dias de gestão, a atual Administração do Tribunal de Justiça do Acre (Biênio 2021-2023), presidida pela desembargadora Waldirene Cordeiro, reuniu em uma publicação virtual as diversas ações realizadas ao longo de 2021, mostrando desafios e conquistas neste primeiro ano. 

Tendo ao seu lado, o vice-presidente, desembargador Roberto Barros, e o corregedor-geral da Justiça, desembargador Elcio Mendes, a desembargadora-presidente, ressalta na apresentação da publicação, o compromisso com a missão recebida, na qual foi imprescindível atuar com o planejamento estratégico elaborado por uma equipe de servidoras e servidores, e com a colaboração de todos que compõem o Sistema de Justiça. 

A presidente também ressalta em sua fala da importância das adaptações feitas ao longo dessa caminhada, permeada pelas incertezas e dificuldades causadas pela pandemia da Covid-19, entre outros desafios. Desembargadora Waldirene também celebra a conquista do Selo Ouro no Prêmio CNJ de Qualidade, bem como o primeiro lugar entre os Tribunais desta categoria no quesito Transparência. 

Celebrando e apresentando as conquistas, a atual Administração também reafirma na publicação o compromisso e dedicação em seguir avançando na gestão administrativa do Judiciário acreano, com intuito de garantir justiça para a paz social, se consolidando como uma gestão aberta ao diálogo e prestando serviços com qualidade e agilidade. 

Andréa Zílio | Comunicação TJAC