Ações da campanha Novembro Azul são iniciadas no Poder Judiciário do Acre

No decorrer da semana, diversas atividades serão ofertadas aos homens como cortes de cabelo, testes rápidos , rodas de conversa, distribuição de materiais de conscientização e brindes

“Não é vaidade, é saúde!”, assim, de forma categórica, afirmou a presidente do Tribunal de justiça do Acre (TJAC), desembargadora Waldirene Cordeiro, na abertura das ações referentes a campanha Novembro Azul, na manhã desta segunda-feira, 8, no Centro Médico do TJAC. Novembro Azul é uma campanha mundial, cujo objetivo é conscientizar homens de todas as idades acerca da importância das visitas regulares ao médico e da realização de exames de saúde, com ênfase na prevenção e no diagnóstico precoce do câncer de próstata.

Durante essa semana, os homens servidores do Poder Judiciário acreano podem usufruir de diversos serviços como cortes de cabelo, psicólogo, nutricionista, exame de PSA, testes rápidos, exame de Bioressonância Magnética Quântica, exame de pressão arterial, de glicemia Capilar, além de rodas de conversa, distribuição de materiais de conscientização e brindes.

 

A presidente do TJAC, desembargadora Waldirene Cordeiro, acompanhou os serviços e parabenizou os servidores, incentivou os homens presentes a fazerem os exames habituais e disse que o TJAC vai continuar apoiando campanhas dessa natureza. “”A vida é o mais importante. Servidor saudável trabalha melhor e vive com qualidade”, afirmou.

A servidora-secretária do Centro Médico, Iris Acácio, se vestiu de super-herói como forma de humanizar as ações da campanha, assim como chamar a atenção do público masculino para a causa. Sempre bem humorada, ela disse que ainda existe uma barreira cultural e o preconceito que precisa acabar. “Homem que se cuida é como se fosse um super-homem”, conclui.

 

O exame de próstata, apesar dos altos índices de cura se identificado em fase inicial, por conta do preconceito que envolve o exame, muitos homens são diagnosticados quando a doença já está em estados mais avançados, o que leva a uma taxa alta de óbitos.

Fazer check-up regularmente ainda é a melhor forma de prevenir doenças e evitar que sejam tratadas apenas em estágios mais avançados. Em todas as faixas etárias o urologista deve ser consultado.

Elisson Nogueira Magalhaes | Comunicação TJAC