Justiça absolve dois e condena três durante júri popular por morte de casal

Motivação do crime seria em razão de uma das vítimas não aceitar as determinações da organização criminosa que atuava no bairro onde morava o casal

O Conselho de Sentença da 1ª Vara do Júri da Comarca de Rio Branco absolveu dois e condenou três pessoas pelo homicídio de um casal, ocorrido em janeiro de 2020. O júri popular ocorreu nessa terça-feira, 29, no Fórum Criminal da Cidade da Justiça.

Na sentença, assinada pela juíza de Direito Luana Campos, em penas somadas, o trio foi condenado a 110 anos de prisão em regime inicialmente fechado por homicídio duplamente qualificado. Os dois absolvidos do crime tiveram expedição do mandado de soltura logo após o julgamento. O Ministério Público recorreu da sentença em relação aos absolvidos.

O casal foi morto a tiros e golpes de facão, após a residência deles, localizada no bairro Belo Jardim, em Rio Branco, ter sido invadida pelos criminosos. A motivação do crime seria vingança, por parte dos réus, em razão de uma das vítimas  não aceitar as determinações da organização criminosa que atuava no bairro.

Dos condenados, dois deles terão que cumprir pena de 40 anos de reclusão e o outro, de 30 anos.

Ana Paula Batalha da Silva | Comunicação TJAC