Sede do TJAC recebe iluminação lilás no mês de combate à violência doméstica

A campanha “Agosto Lilás” foi criada em alusão a Lei Maria da Penha, sancionada em 7 de agosto de 2006, para inibir os casos de violência doméstica no Brasil

Neste mês está sendo realizada a campanha “Agosto Lilás”, por essa razão a sede-administrativa do Tribunal de Justiça do Acre (TJAC) recebeu uma iluminação especial com a cor da mobilização referente ao combate à violência doméstica.

A desembargadora-presidente Waldirene Cordeiro realçou que o engajamento da instituição se completa por meio dos julgamentos e apoio social, mas para além disso, o trabalho se multiplica em todo o estado com ações educativas realizadas pela Coordenadoria das Mulheres em Situação de Violência (Comsiv), também nas redes sociais e no programa radiofônico Boletim TJAC.

“Ainda teremos dias melhores para as mulheres e para todos os cidadãos do meu estado. Sigamos firmes na certeza que somos agentes de transformação e que podemos alcançar outras pessoas nessa luta”, enfatizou a desembargadora.

Nesta semana, ocorreu o evento “Junto por Elas” no Palácio Rio Branco, ocasião em que a presidente assinou o Termo Aditivo de Cooperação Técnica Interinstitucional entre o TJAC, governo do Estado, Instituto Federal do Acre (Ifac), com o objetivo ampliar o programa “Maria da Penha Vai à Escola: Educar para Prevenir” e outras ações de divulgação da Lei Maria da Penha. Veja a notícia.

A divulgação da Lei Maria da Penha é uma ação preventiva de combate à violência doméstica e familiar, servindo à importante missão de divulgar para as vítimas que elas têm amparo legal, bem como ajudar as pessoas a identificarem os diferentes tipos de violência, com intuito de romper ciclos, desconstruir barreiras impostas estruturalmente e até em vínculos familiares, zelando pela segurança, saúde pública e bem-estar de toda a sociedade.

Em 2021, a campanha celebra também os 15 anos da Lei Maria da Penha. Então, no próximo dia 13 será realizado o “Colóquio 15 anos da Lei Maria da Penha: Avanços e Desafios” pela Escola do Poder Judiciário. O evento será online e gratuito, no qual a programação debruçará sobre os temas: “A atuação do Poder Judiciário na promoção da equidade de gênero e no enfrentamento à violência doméstica”, “Ouvidoria da Mulher no contexto pandêmico”, “Políticas públicas de incentivo à redução de violência familiar”, grupos reflexivos e resoluções. As inscrições estão abertas até o próximo dia 10. Saiba mais!

Portanto, o “Agosto Lilás” chama atenção da sociedade sobre uma problemática real e fatal. Quem sofrer ou presenciar qualquer forma de violência pode fazer denúncia pelo Disque 180.

Assessoria | Comunicação TJAC