Escola do Poder Judiciário realiza treinamento do Sistema Eletrônico de Execução Penal

O SEEU foi disponibilizando pelo Conselho Nacional de Justiça e centraliza a gestão de processos de execução penal no país

A modernização na gestão de processos alcança objetivos do Judiciário: realizar Justiça com celeridade, imparcialidade, transparência e até responsabilidade socioambiental.

A Escola do Poder Judiciário realizou treinamento sobre o Sistema Eletrônico de Execução Penal Unificado (SEEU), no período de 9 a 13 de março. A capacitação da equipe técnica, oficiais de justiça, assessores e magistrados é uma etapa primordial de avanço da utilização da ferramenta pelo Tribunal de Justiça do Estado do Acre (TJAC).

O cronograma de implantação foi iniciado no segundo semestre de 2019. Na ação educativa a proposta era o aprendizado acerca da produção, movimentação e expedição de documentos no SEEU. Desta forma, o fluxo, os recursos e a utilização foram aprimorados pelos servidores, usuários do sistema.

O SEEU foi disponibilizando pelo Conselho Nacional de Justiça e centraliza a gestão de processos de execução penal no país, sendo adotada como política judiciária desde 2016, por meio da Resolução CNJ n° 223/2016.

A proposta é o uso de um sistema que proporcione uma gestão confiável e integrada dos dados da população carcerária do Brasil. Nesta sexta-feira, havia 1.050.336 processos no SEEU, mas vale ressaltar que ainda há estados que estão implantando e/ou migrando os processos para a plataforma.

Postado em: Galeria, Notícias | Tags:, ,

Fonte: DIINS Atualizado em 13/03/2020