Justiça Volante retoma atendimentos em Rio Branco

Em caso de acidente de trânsito, os condutores podem ligar para o Disque Denúncia 190 e o chamado será encaminhado para a unidade ou para celular da unidade

A Justiça Volante é um serviço ofertado pelo Tribunal de Justiça do Acre (TJAC) para atender ocorrências de acidentes de trânsito sem vítimas. Na manhã desta quinta-feira, 5, foi realizada solenidade para oficializar a retomada do atendimento.

O trabalho itinerante é ofertado pelo TJAC há 26 anos e estava suspenso em razão da vigência de portaria que estipulava medidas restritivas para prevenção contra a covid-19. Na prática, os envolvidos no sinistro têm o diálogo intermediado pela equipe da Justiça Volante, com o intuito de formalizarem um acordo sobre os danos materiais.

A desembargadora-presidente Waldirene Cordeiro enfatizou que ao se promover a conciliação, os condutores saem com uma solução imediata, além disso, é fomentada também a desjudicialização de conflitos e pacificação social.  “É uma satisfação da atual gestão anunciar a retomada desta atividade, porque a Justiça Volante representa o Judiciário indo ao encontro dos interesses da nossa sociedade, resolvendo questões do dia a dia de forma rápida, sendo esse um atendimento muito bem aceito pela população acreana”, assinalou a presidente do TJAC.

Também estavam presentes o vice-presidente do TJAC, desembargador Roberto Barros, o corregedor-geral da Justiça, desembargador Elcio Mendes, o juiz-auxiliar da Corregedoria Lois Arruda, a presidente do Departamento de Trânsito do Acre (Detran) Taynara Martins e o diretor de Operações, Anderson Souza.

A parceria institucional com o governo do Estado, por meio do Detran e Ciftran, confirma a eficiência da iniciativa. “Estamos juntos – presentes no momento dos acontecimentos – e isso contribui inclusive para a mobilidade urbana, visto que o trabalho coordenado com os agentes e a perícia garante que o trânsito não fique parado por muito tempo”, afirmou a desembargadora.

A presidente do Detran também celebrou o retorno desse trabalho volante. “A parceria com o Judiciário só contribui para que possamos atender o cidadão de forma mais célere, prestando nosso auxílio a todos os condutores que se envolveram em um acidente de trânsito. Esse é um dever do Poder Público e nós temos o interesse em continuar atendendo com qualidade”, destacou Taynara.

Inclusive, neste mês a autarquia está realizando campanha em alusão ao Maio Amarelo, porque além da fiscalização, a educação de trânsito colabora para reduzir a imprudência e evitar acidentes.

Para acionar a Justiça Volante basta ligar para o 190, ou no telefone (68) 99985-2750, que o chamado será direcionado para a unidade.

Miriane Teles | Comunicação TJAC