Projeto Cidadão: serviços levados a quem precisa

A ação social desenvolvida pelo TJAC tem sucesso em disponibilizar o acesso rápido e gratuito aos serviços públicos fundamentais

Desde 1995 até 2019, o Projeto Cidadão atendeu 1.545.553 pessoas. No ano de 2020, não houve atividades, devido às medidas sanitárias adotadas para contenção da Covid-19. No ano de 2021, ocorreram 300 conversões de união estável em casamento, em uma edição especial realizada em Rio Branco, 25 casamentos no Croa e 1.950 atendimentos em Assis Brasil.

Os principais serviços ofertados durante os mutirões do projeto promovido pelo Tribunal de Justiça do Acre (TJAC) são a emissão de documentos, como: RG, CPF, Certidão de Nascimento, Título de Eleitor, Carteira de Trabalho, além de serviços de assistência social, médica e atendimentos judiciais. O trabalho é desenvolvido em parceria com vários órgãos públicos municipais, estaduais e federais, contando ainda com o apoio de setores privados e associações civis.

Nesses 26 anos promovendo cidadania em todos os municípios acreanos, uma das edições que merece destaque foi a realizada em 2018, na Aldeia Morada Nova, localizada na zona rural de Feijó. A ação possui um marco histórico e identitário importante: foram realizadas 150 retificações do registro civil, onde as pessoas atendidas puderam acrescentar sua etnia.

Confira o vídeo sobre o Projeto Cidadão no nosso canal do Youtube: assista aqui!

 

Miriane Teles | Comunicação TJAC