Representantes do Poder Judiciário acreano participam do XIII Fonavid

O evento proporcionou troca de experiências e o constante aperfeiçoamento, bem como debate sobre novas ações e políticas públicas relacionadas ao assunto.

Representantes do Poder Judiciário acreano participaram do XIII Fórum Nacional de Juízes de Violência Doméstica e Familiar contra a Mulher (Fonavid), que aconteceu nas modalidades presencial e virtual, entre 29 de novembro e 2 de dezembro, em Teresina, Piauí. O evento, aberto a magistrados, magistradas, equipe multidisciplinar e público em geral, proporcionou troca de experiências e o constante aperfeiçoamento, bem como debate sobre novas ações e políticas públicas relacionadas ao assunto.

Ao final do evento, foi aprovado enunciados com temas essenciais para combate à violência doméstica e familiar contra mulher. Da justiça acreana, participaram representantes da Coordenadoria Estadual das Mulheres em Situação de Violência Doméstica e Familiar (COMSIV) e da Vara de Proteção à Mulher da Comarca de Rio Branco.  Como o evento aconteceu de forma híbrida – modalidades presencial e remota -, apenas o servidor Anderson Martins, da equipe Multidisciplinar da Vara de Proteção à Mulher, participou presencialmente.

O tema deste ano foi “Direitos Humanos e acesso à Justiça na violência doméstica e familiar: a Magistratura e o cumprimento das obrigações internacionais assumidas pelo Brasil”. Durante os quatro dias, foram discutidas questões como feminicídio, população LGBTQIA, mídia, articulação da rede de enfrentamento à violência, uso de sistemas tecnológicos, violência psicológica, boas práticas em unidades judiciárias e movimentos feministas.

O encontro contou com painéis, oficinas, palestras e grupos de trabalho. Participaram como palestrantes, entre outros, juízes, juízas, delegados, delegadas, professores, professoras, advogados, advogadas e psicanalistas. 

Com informações do Fonavid | Comunicação TJAC