Núcleo Socioambiental Permanente se reúne para discutir novas fases do Plano de Logística Sustentável para atual gestão

PSL é adoção de práticas de sustentabilidade com vistas à construção de um novo modelo de cultura institucional.

Novas tratativas para as próximas etapas do Plano de Logística Sustentável (PLS) do Tribunal de Justiça do Acre (TJAC) foram discutidas em reunião do Núcleo Socioambiental Permanente (NUSAP) com representantes de setores da Administração, nessa segunda-feira, 6.

O PSL atende à determinação contida na Resolução do Conselho Nacional de Justiça (CNJ) nº 201/2015, que impõe a adoção de práticas de sustentabilidade com vistas à construção de um novo modelo de cultura institucional e à inserção nos critérios de sustentabilidade nas atividades do Poder Judiciário.

No encontro, foram apresentados à coordenadora do NUSAP, desembargadora Waldirene Cordeiro, os andamentos das ações como, por exemplo, redução do consumo de papel e copos descartáveis; racionalização do uso de veículos e energia; coleta adequada de pilhas e baterias; área de preservação ambiental entre outras.

“É a nossa primeira reunião, desta atual gestão, para alinharmos as novas fases do PLS para 2019. Toda ação voltada para o uso equilibrado do meio ambiente é essencial para garantir nossa sobrevivência e das futuras gerações”, comentou.

Os projetos Biblioteca Compartilhada e a Horta Compartilhada, ambos de iniciativa do NUSAP-TJAC, estão entre as boas práticas de sustentabilidade selecionadas pelo Programa Agenda Ambiental na Administração Pública (A3P), na chamada pública do Ministério do Meio Ambiente e ONU Meio Ambiente, realizada em novembro do ano passado, que envolveu os 5.570 municípios brasileiros.

 

Postado em: Galeria, Notícias | Tags:,

Fonte: Atualizado em 07/05/2019