Tribunal de Justiça atinge índice de mais de 65% de Conciliações

A Justiça Estadual do Acre realizou no Dia Nacional de Conciliação 965 audiências, de um total de 1302 designada, alcançando um índice de acordos equivalente a 65,60%. Durante toda a sexta-feira, mais de 600 pessoas trabalharam na conciliação nas unidades de todo o Estado, dos quais 470 são conciliadores e auxiliares de conciliação, na mediação dos conflitos entre as partes nas áreas cível, criminal e de família. O bom resultado da iniciativa, que faz parte do Movimento pela Conciliação, lançado em agosto pelo Conselho Nacional de Justiça (CNJ), com o slogan: “Conciliar é Legal”, segundo a desembargadora Eva Evangelista, coordenadora do Movimento no Estado, é resultado do trabalho em parceria do Tribunal de Justiça com o Governo do Estado e a prefeitura de Rio Branco e que contou com o apoio da Defensoria e Ministério Público Estadual. O objetivo do Dia Nacional de Conciliação, que passa a fazer parte do calendário de atividades da justiça brasileira, é difundir a idéia da busca por acordos, de maneira a encontrar soluções para demandas judiciais, evitando a longa tramitação processual. Atualmente, o País registra índice de acordos entre 30% e 35%. Em países desenvolvidos, este índice é de 70% ou mais. Para garantir a citação de todas as partes envolvidas no dia nacional de conciliação no Estado, a desembargador Eva Evangelista contou por mais de um mês com o apoio do governo do Estado e da prefeitura de Rio Branco, que cederam carros e pessoal – 15 servidores – para atuarem como oficiais de justiça na capital e no interior realizando mais de 600 citações somente na capital.

Postado em: Notícias | Tags: Sem tags

Fonte: Publicado em 11/12/2006