Operação Delivery: Juiz oficia Iapen para providenciar recambiamento de acusado a Rio Branco

O Juiz Romário Divino, responsável pelo processo decorrente da Operação Delivery (autos n° 0500808-75.2012.8.01.0081), após receber o comunicado de prisão do acusado Adálio Cordeiro, oficiou o Instituto de Administração Penitenciária do Acre (Iapen/AC) para que seja providenciado, com urgência, o recambiamento do acusado à Comarca de Rio Branco.

Titular da 2ª Vara da Infância e da Juventude de Rio Branco, o juiz justificou a urgência desse procedimento em razão das audiências de instrução do processo, que terão início na data de 22 de janeiro, e nas quais o acusado deverá estar presente.

Adálio Cordeiro foi preso na tarde de quarta-feira (9), pela Polícia Federal, na cidade de Ji-Paraná, no Estado de Rondônia.

Acusado de utilizar os serviços de uma rede de exploração sexual de menores, ele era considerado foragido da Justiça desde o dia 29 de novembro de 2012, quando a Câmara Criminal do Tribunal de Justiça do Acre revogou habeas corpus em seu favor e expediu mandado de prisão.

O também acusado Assuero Venorez, cujo mandado de prisão foi expedido juntamente com o de Adálio Cordeiro, permanece foragido.

Postado em: Notícias | Tags:

Fonte: Atualizado em 29/06/2015