Novos juízes trabalham em sistema de mutirão nas Varas Criminais da Capital

Cumprindo determinação da Direção do Tribunal de Justiça do Acre, os dez novos Juízes de Direito Substitutos, empossados no dia 17 de abril, trabalharam na semana passada em sistema de mutirão e analisaram 130 processos que tramitam na 1ª, 2ª, 3ª e 4ª  Varas Criminais da Comarca de Rio Branco.

Na última quinta-feira, 30 de abril, a Corregedoria Geral da Justiça divulgou o balanço da atividade desenvolvida pelos novos magistrados. Na 1ª Vara Criminal, cujo titular é o Juiz de Direito Francisco Djalma, os Juízes analisaram 38 processos, tendo sido expedidos 12 alvarás de soltura, realizados 29 despachos e proferidas 9 decisões interlocutórias.

Na 2ª Vara Criminal, que tem como titular a Juíza de Direito Denise Castelo Bonfim, foram analisados 36 processos, tendo sido expedidos 3 alvarás de soltura, exarados 6 despachos e proferidas 27 decisões interlocutórias e 3 sentenças.

Na 3ª Vara Criminal, cujo titular é o Juiz de Direito Raimundo Nonato da Costa Maia, foram manuseados 22 processos, tendo sido expedidos 5 alvarás de soltura e proferidas 22 decisões interlocutórias.

Já na 4ª Vara Criminal, que tem como titular o Juiz de Direito Cloves Augusto Cabral, os novos magistrados analisaram 34 processos, tendo expedido 5 alvarás de soltura, exarados 2 despachos e proferidas 32 decisões interlocutórias.

Durante os dias 1° e 2 de maio, em sistema de plantão, eles atuaram na Vara da Violência Doméstica e Familiar Contra a Mulher, cuja titular é a Juíza de Direito Olívia Ribeiro.

Depois de cumprir agenda de atividades na Comarca de Rio Branco, os novos Juízes seguem nesta primeira semana de maio para as Comarcas do interior do Estado, quando assumem suas respectivas unidades judiciárias.

            

    

Postado em: Notícias | Tags: Sem tags

Fonte: Publicado em 04/05/2009