Judiciário participa da cerimônia de Troca da Bandeira pelos 47 anos do Estado do Acre

O Governo do Acre realizou na manhã desta segunda-feira, 15, a cerimônia de Troca da Bandeira no Monumento do Centenário da Revolução, no Calçadão da Gameleira, centro histórico de Rio Branco. O ato marca os 47 anos da elevação do Acre à Estado. Diversas autoridades civis, como o Presidente do Tribunal de Justiça, Desembargador Pedro Ranzi, e militares participaram do evento.

A história da bandeira acreana

A criação da bandeira do Acre aconteceu ainda no período do Estado Independente, por meio do Decreto n° 2, no ano de 1889, idealizada pelo Presidente do Estado Independente do Acre, Luiz Galvez Rodrigues de Arias. Ela foi modificada duas vezes até chegar ao formato atual.

Na primeira, entre 1902 e 1903, durante a Revolução Acreana, ganhou uma estrela vermelha. Já em 24 de janeiro de 1921, quando a vitória da revolução fazia aniversário, Epaminondas Jacome, primeiro governador do Território Federal do Acre (1° de janeiro de 1921 a 22 de junho de 1922), inverteu a posição das cores e adotou a bandeira oficialmente.

A parte superior esquerda da bandeira acreana é amarela com uma estrela vermelha no canto, a parte inferior direita é verde. A estrela vermelha no canto superior esquerdo, chamada de "estrela solitária", representa o sangue dos bravos que lutaram pela a anexação da área do atual Estado do Acre ao Brasil.

(Com informações da Agência de Notícias do Acre).

 

 

Postado em: Notícias | Tags: Sem tags

Fonte: Publicado em 16/06/2009