Iniciada Correição Ordinária na Vara de Órfãos e Sucessões da Capital

(Assessoria da COGER) 

A equipe da Corregedoria Geral da Justiça do Tribunal de Justiça do Acre, sob a coordenação da Corregedora Geral, desembargadora Eva Evangelista, após concluir os trabalhos correicionais na 2ª. Vara Cível de Rio Branco, deu seqüência na manhã desta sexta-feira, 17, à Correição Geral Ordinária/2007 iniciando as atividades na Vara de Órfãos e Sucessões, que tem como Titular o juiz de Direito Luiz Camolez.

A Correição Geral Ordinária/2007 na Capital foi iniciada segunda-feira na 1ª. Vara Cível e seqüenciada na 2ª. Vara Cível. Trata-se de um trabalho de fiscalização, análise e orientação aos magistrados e servidores sobre procedimentos e prazos a serem obedecidos nos processos em trâmite nas duas Varas, garantindo ao usuário da justiça, agilidade no julgamento dos seus pleitos.

Na manhã desta sexta-feira, na abertura dos trabalhos na Vara de Órfãos e Sucessões. Eva Evangelista destacou a importância do trabalho dos magistrados e dos servidores do Poder Judiciário acreano visando a melhor prestação jurisdicional e celeridade dos procedimentos e os bons resultados obtidos.

“Temos carências e necessidades a serem supridas, mas graças ao bom trabalho dos nossos magistrados e servidores, os resultados da prestação jurisdicional são satisfatórios em nossas Comarcas do interior e também na Capital”, disse Eva Evangelista.

À solenidade compareceram a Juíza da 2ª. Vara Cível, Maria Cezarinete de Souza Augusto Angelim, a Promotora de Justiça Mirna Teixeira Mendonça e o advogado Ruy Duarte. Os trabalhos da Correição Geral /2007 foram iniciados no dia 30 de julho em Manuel Urbano e seqüenciados nos 31 de julho, 1, 2 e 3 de agosto em Feijó e Tarauacá. Neste período foram verificados cerca de cinco mil processos cíveis e criminais, além de todos os livros dos cartórios extrajudiciais.

Na capital serão correicionadas todas as Varas Cíveis e Criminais e os Juizados Especiais Cíveis e Criminais, Trânsito e Juizado da Infância e Juventude nos próximos dois meses.

Postado em: Notícias | Tags: Sem tags

Fonte: Publicado em 17/08/2007