Operação Caça Legal comemora bons resultados

Parceria entre Polícia Federal, Tribunal de Justiça, Tribunal Regional Eleitoral e Secretaria Estadual de Saúde garante serviços às comunidades mais isoladas do Estado

Durante os dias 24 de março e 10 de abril, a Operação Caça Legal percorreu as comunidades de difícil acesso do Vale do Juruá cumprindo campanha de recadastramento das armas de fogo dos caçadores de subsistência. Realizada por meio de uma parceira entre a Polícia Federal, o Tribunal de Justiça (TJAC), Tribunal Regional Eleitoral (TRE) e Secretaria Estadual de Saúde, a Operação também ofereceu os serviços do Projeto Cidadão, Eleitor Mais Cidadão, exames preventivos e aplicação de vacinas.

O superintendente da Polícia Federal no Acre, Luiz Cravo Dórea, os desembargadores Izaura Maia, Presidente do TJAC, Arquilau Melo, Coordenador do Projeto Cidadão, Samoel Evangelista, Presidente do TRE/AC, e o médico Osvaldo Leal, Secretário de Saúde do Estado, comemoram os resultados positivos alcançados pela parceria. Essa foi a primeira experiência de uma ação conjunta desse porte que, em vista dos bons resultados alcançados, deve ser estendida para todo o Estado.

Ao total, a Operação registrou 2.229 atendimentos: 1.582 registros de armas, 137 títulos de eleitor, 70 certidões de nascimento e aplicadas 440 vacinas. Foram contempladas nessa etapa da Operação a comunidade de São Salvador, que engloba os ribeirinhos do Parque Nacional da Serra do Divisor (rios Azul e Moa); os ribeirinhos da Foz do Paraná dos Mouras e da Foz do Valparaíso; a localidade da Foz do Juruá Mirim; o Seringal Crajaú; e o Município de Porto Walter.

Postado em: Notícias | Tags: Sem tags

Fonte: Publicado em 11/04/2008