Presidente do TJAC participa do Simpósio Governança e Sustentabilidade da OAB/AC

O simpósio, que apresentou o desafio de uma gestão sustentável e de uma sociedade que pense um pouco mais nas consequências de suas práticas relacionadas às questões ambientais, contou com diversas autoridades.

A presidente do Tribunal de Justiça do Acre, desembargadora Waldirene Cordeiro, participou nesta sexta-feira, 13, do Simpósio Governança e Sustentabilidade, realizado pela Ordem dos Advogados do Brasil – Seccional Acre (OAB/AC).

Cinco pessoas sentadas. Presidente fala ao microfone

Ao todo foram apresentados 12 diferentes painéis relacionados a esta temática, além da palestra principal com a professora doutora Maria Cláudia da Silva Antunes de Souza, coordenadora do Curso de Doutorado Interinstitucional do Programa de Pós-graduação em Ciência Jurídica da Univali e U:Verse.

Ao abrir o evento, o presidente da OAB/AC, Rodrigo Aiache, frisou sobre a importância da educação e que somente com a educação é possível transformar o país.

O simpósio, que apresentou o desafio de uma gestão sustentável e de uma sociedade que pense um pouco mais nas consequências de suas práticas relacionadas às questões ambientais, contou com diversas autoridades, advogadas, advogados e estudantes da área de Direito. Do TJAC estava presente ainda a desembargadora Regina Ferrari que apresentou um dos painéis.

Em seu pronunciamento, a desembargadora-presidente Waldirene Cordeiro, enfatizou que a Governança e a Sustentabilidade se tornaram temáticas de expressiva relevância mundial destacando que a Organização das Nações Unidades (ONU) alçou o tema como agenda global 2030, contando com o compromisso assumido por 193 países, inclusive o Brasil.

Ela lembrou dos 17 Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS), onde suas 169 metas estão voltadas para a efetivação dos direitos humanos e a promoção do desenvolvimento, além das diretrizes do Conselho Nacional da Justiça (CNJ), voltadas aos tribunais, associadas a esses pontos.

“O compromisso do Poder Judiciário do Estado do Acre não poderia ser diferente. Na atual gestão, elaboramos o Plano Estratégico 2021-2026 de forma alinhada as diretrizes estabelecidas pelo CNJ e pelos ODS. Compete registrar que a política e prática de sustentabilidade ambiental é uma realidade para o TJAC. A instituição conta com Plano de Logística Sustentável desde 2016 e a cada ano vem se aprimorando através das ações do Núcleo Socioambiental Permanente”, destacou.

Ela parabenizou a diretoria da OAB/AC e ressaltou que o “Simpósio Governança e Sustentabilidade” e o lançamento da obra coletiva “Governança e Sustentabilidade: (des) Construindo limites e Possibilidades” se sobressaem em relevância ao aprimoramento das Instituições envolvidas.

Ana Paula Batalha da Silva | Comunicação TJAC