Casa de Acolhimento Drª Maria Tapajós recebe ações do programa Fortalecendo Vidas

Os encontros são marcados por muita conversa e música, garantindo os direitos de crianças e adolescentes que estão em situação de vulnerabilidade

Na última terça-feira, dia 20, iniciaram as atividades do programa Fortalecendo Vidas na Casa Abrigo Drª Maria Tapajós, em Rio Branco. A ação é desenvolvida pela Aliança Pró-Evangelização de Crianças (Apec), com apoio do Tribunal de Justiça do Acre (TJAC).

A unidade atende crianças e adolescentes do sexo feminino, vítimas de abandono, abuso, exploração e maus tratos. Deste modo, estão participando da atividade 10 meninas e, na Casa de Acolhimento Sol Nascente, 10 meninos.

O pastor Josimar Lima relatou que o grupo foi bem recebido e todos estão entusiasmados em cumprir a missão de diminuir barreiras sociais. “Falamos de empatia, liderança e valores, habilidades importantes para a formação do caráter e aprimoramento do respeito, responsabilidade e amor ao próximo”, contou.

Sobre o enfoque educativo, o colaborador disse ainda que o objetivo de desenvolver novas competências permite que o grupo aprenda a conviver melhor no meio social, preparando-as para vida.

“Mas o resultado imediato tem sido a melhoria no rendimento escolar, do comportamento junto à família e o aprendizado nas dimensões emocionais, morais e espirituais”, concluiu.

A coordenadora estadual da Infância e Juventude, desembargadora Regina Ferrari, destacou que o programa Fortalecendo Vidas foi instituído em 2019 no TJAC. Assim, com a pandemia de coronavírus foi alterado a frequência do encontros, contudo sem torná-los inoperantes devido à sua relevância e a importância de se promover a ressocialização.

Assessoria | Comunicação TJAC