Planejamento Estratégico segue nova etapa com reunião entre secretários de direção dos Foros

Como parte da escala de serviço, nesta terça-feira, 30, a equipe reuniu-se com secretários da direção dos Foros para apresentar os integrantes do Planejamento Estratégico e pedir a colaboração de todos

O Tribunal de Justiça do Acre (TJAC) continua avançando na elaboração do Planejamento Estratégico 2021-2026, para atender a Resolução CNJ nº 325. Por conta contenção de gastos, a Presidência decidiu criar uma equipe de servidores, capacitada na área de planejamento, para trabalhar exclusivamente nessa missão.

Como parte da escala de serviço, nesta terça-feira, 30, a equipe reuniu-se com secretários da direção dos Foros para apresentar os membros que compõem a equipe do Planejamento Estratégico e pedir a colaboração de todos.

Ao elaborar o planejamento, a equipe deverá seguir algumas diretrizes, como: ter prazo de seis anos, observar o conteúdo temático dos macrodesafios e das diretrizes Estratégicas Nacionais, alinhar os planos às propostas orçamentárias, podendo incorporar os indicadores de desempenho dos macrodesafios do Poder Judiciário, entre outros. Os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS) da Agenda 2030 da Organização das Nações Unidas (ONU) também devem ser levados, no que couber, em consideração durante a elaboração do planejamento.

A abertura do encontro, que ocorreu por ferramental virtual, foi feita pelo juiz-auxiliar da Presidência, Leandro Gross, e o diretor de Gestão Estratégica, Raimundo Angelim, que abordaram sobre a importância da contribuição de todos no planejamento.

Na ocasião, os participantes colaboraram com os questionamentos da equipe. Já foram reunidos desembargadores, juízes, diretores, diretores de secretaria, gerentes e sindicatos. Todos passaram por exercícios para darem suas sugestões como deve ser o Poder Judiciário do Acre nos próximos seis anos.

A criação do Planejamento Estratégico do Poder Judiciário Acreano para os próximos seis anos foca na missão, visão, macrodesafios e respectivos indicadores de desempenho do Poder Judiciário.

 

 

 

Assessoria | Comunicação TJAC