Sessão do Pleno Jurisdicional marca segundo dia do Judiciário no Juruá

Pela primeira vez na história da Justiça acreana, sede administrativa e judiciária é transferida para Cruzeiro do Sul com ações administrativas e sessões do Pleno Jurisdicional, Câmaras Criminal e Cíveis

Dos onze desembargadores que compõem a Corte de Justiça do Acre, oito deles participaram presencialmente da primeira sessão do Pleno Jurisdicional realizada na manhã desta terça-feira, 30, na cidade de Cruzeiro do Sul. Três desembargadores participaram virtualmente de Rio Branco.

Marcando os últimos meses de gestão da atual administração, que tem como presidente, a desembargadora Waldirene Cordeiro, vice-presidente o desembargador Roberto Barros, e o corregedor-geral da Justiça, desembargador Elcio Mendes, a sessão do Pleno Jurisdicional integra a programação da Semana do Judiciário no Juruá, feito inédito e simbólico da Justiça acreana, que reforça sua presença em todo o estado, por meio da prestação dos seus serviços jurisdicionais, como também as diversas ações sociais que realiza.

 

Na sessão do Pleno Jurisdicional, que contou também com a participação presencial do procurador de Justiça do Ministério Público do Acre, Celso Jerônimo, e do vice-presidente da Subseção do Vale do Juruá, da Ordem dos Advogados do Brasil – Seccional Acre (OAB/AC), e virtualmente, do secretário-geral da Ordem, o advogado Thalles Vinicius, 15 processos entraram em pauta, sendo que 13 foram julgados e dois retirados.

A diretora do Foro da Comarca de Cruzeiro do Sul, a juíza de Direito, Evelin Bueno, participou da sessão junto aos magistrados Erik Farhat, Ivete Tabalipa, Marlon Machado, Caroline Bragança e Adamarcia Machado.

Marcada pela emoção e diversas histórias, inclusive, de desembargadores que atuaram no município de Cruzeiro do Sul, as considerações durante a sessão também foi espaço para anunciar algumas das ações administrativas para a região.

 


Na ocasião, a presidente do TJAC, desembargadora Waldirene Cordeiro falou da emoção de presidir uma sessão a partir da segunda maior cidade do Acre. “Aqui é um momento de nós estarmos junto com os jurisdicionados, a Justiça para além do 1º grau, e isso é uma satisfação enorme. Estamos muito felizes em estar com toda a Corte de Justiça do Acre na cidade de Cruzeiro do Sul, celebrando tantos feitos dessa gestão”, ressaltou.

Desembargadora Waldirene Cordeiro disse ainda que para além das sessões, o Poder Judiciário do Acre mostra a importância de sua atuação no estado com outras ações que expressam seu compromisso com a sociedade. “Hoje, além da sessão do Pleno Jurisdicional, estamos oficializando a sugestão dos magistrados e servidores da Comarca de Cruzeiro do Sul, para a área de Proteção Ambiental, que agora passa a se chamar Bosque do Juruá. Outro motivo de orgulho é poder darmos início às instalações da segunda usina fotovoltaica, que vai garantir que o Judiciário use energia limpa. A primeira já estamos instalando em Rio branco”, frisou.

 

 

Durante a sessão, o vice-presidente do TJAC, desembargador Roberto Barros, explicou que fez questão de participar da agenda, que demonstra o cuidado da Presidência com todos os desafios colocados no Planejamento Estratégico da instituição e a concretização dos sonhos da gestão com o aperfeiçoamento do Judiciário. Barros também discorreu sobre o olhar atento com as questões ambientais.

“É um prazer muito grande ter essa sessão aqui no Juruá. O Tribunal já tinha realizado algumas atividades pela Câmara Criminal. Mas, agora, realizamos todas as sessões, do Pleno, das câmaras cíveis, criminal, todas estão sendo realizadas aqui no Juruá, como forma de integrar os magistrados, magistradas com servidores e, sobretudo, com a comunidade. É muito especial que para além das atividades jurisdicional, temos as atividades administrativas, como o anúncio do nome do Bosque e também a assinatura da ordem de serviço da usina fotovoltaica, usina de energia solar. Isso tudo representa o destaque do Judiciário nesta gestão pela busca da melhor eficiência financeira, mas acima de tudo da preservação do meio ambiente”, ressaltou o vice-presidente.

Para o corregedor-geral da Justiça, desembargador Elcio Mendes, é importante trazer as sessões de julgamento do 2° Grau para Cruzeiro do Sul, por aproximar mais a Justiça de cada pessoa que precisa. “Cruzeiro do Sul tem toda uma simbologia, a própria essência do nome em si, e o Judiciário tinha essa dívida com Cruzeiro do Sul e essa dívida foi sanada uma pequena parte hoje. Nós tínhamos que trazer o Pleno para vir aqui e fazer a sua sessão jurisdicional. E graças a sensibilidade da nossa presidente, do vice-presidente, fez com que isso fosse possível. Então, nós cumprimos essa etapa na certeza de que cada vez mais levamos o Poder Judiciário mais próximo a sociedade do Acre”, disse.

 

Carinho e reconhecimento dos colegas

 

Desembargadora Eva Evangelista

“Esta administração eu poderia denominá-la como a administração da reconstrução em todos os sentidos de renovação depois de um período de pandemia. A instalação do Poder Judiciário no Juruá trata-se de um resgate da história do Judiciário acreano após a anexação do Acre ao Brasil, pelo Tratado de Petropólis, porque aqui o Tribunal de Apelação foi sediado. Quero cumprimentar a administração do Tribunal de Justiça pelas excelentes instalações da Cidade da Justiça, que passou por reforma e readequação, e por todo o esforço e êxito na troca de equipamentos que favorece o trabalho de todos os servidores.”

Desembargador Samuel Evangelista

“É um prazer estar na minha Comarca. Atuei em Cruzeiro do Sul e vivi experiências que carrego para a vida aqui. Parabenizo a gestão Administrativa pela iniciativa e por todos os trabalhos realizados”.

 

Desembargadora Denise Bonfim

“É com muita satisfação que cumprimento vossas excelências, especialmente, a nossa presidente. Assim como eu, tenho certeza que o desembargador Júnior Alberto e Camolez gostaríamos de estar com vocês aí. Mas, parabenizo vossa excelência, toda sua equipe por esse ato inédito e essencial que é transferir toda a Administração e, pela primeira vez, o Pleno Jurisdicional para Cruzeiro do Sul”.

Desembargador Francisco Djalma

“Estendo meus cumprimentos a toda a administração e sua equipe. Quero fazer minha as palavras de todos os colegas, reconhecendo a grandeza da administração da Vossa Excelência, desembargadora Waldirene, como administradora, gestora do Judiciário. A iniciativa da vinda para Cruzeiro do Sul é um marco na história do Poder Judiciário que ficará registrado em nossas memórias. Cumprimento também ao Ministério Público pela disponibilidade em nos acompanhar.”

Desembargadora Regina Ferrari

“Eu fico muito emocionada em estar aqui. É a primeira vez que venho a Cruzeiro do Sul, julgar. Nosso coração é só de gratidão, e agradeço a desembargadora Waldirene Cordeiro, junto aos desembargadores Roberto Barros e Elcio Mendes, que juntos estão fazendo esta grande administração, juntando retalhos nesse pós-pandemia, na qual perdemos familiares, servidores. Tem uma frase de Helena Blavatsky, que gosto muito, que diz que ‘O potencial da humanidade é infinito e todo ser tem uma contribuição a fazer por um mundo mais grandioso’, e acredito que estamos contribuindo para isso”.

Desembargador Laudivon Nogueira

“Hoje eu vejo com muita alegria o ar de felicidade, de satisfação dos magistrados e servidores. E vejo como isso é uma construção, e cada um é responsável por colocar um tijolinho, colocando a sua contribuição para o engrandecimento do nosso Poder Judiciário. Mas, passamos um momento muito difícil, que ninguém imaginava ou esperava. Mas, felizmente com a garra e disposição de todos e todas conseguimos superar e nos reinventar. Parabenizo a gestão por esses resultados pelas reformas, mas também pelo investimento em inovação e isso é mais um reflexo da liderança da nossa presidente. Por isso, quero parabenizar a Administração e sua equipe, vemos o zelo, o cuidado em tudo que vocês tem feito”.

Desembargador Junior Alberto

“Cruzeiro do Sul é uma Comarca maravilhosa, tive a oportunidade de atuar nesta Comarca. Lembro das dificuldades daquela época e hoje vejo com muita alegria os avanços da gestão com as novas instalações. A gestão está de parabéns pela atuação, que garante um conforto maior aos servidores para garantir a produtividade. Essa comarca é uma terra maravilhosa. A gestão está de parabéns por essa realização, pelas reformas, pela instalação da usina e todo o trabalho”.

Desembargador Luiz Camolez

“Quando a presidente avisou dessa agenda, eu fui um entusiasta, disse que iria até a pé, se fosse preciso. Mas, infelizmente, por uma questão de saúde não pude estar presencialmente. Contudo, com apoio da tecnologia estou de presente. Cruzeiro do Sul é a terra onde comecei, onde fiz minha primeira decisão. Vendo hoje a minha presidente inaugurando o bosque, lançar a pedra fundamental da usina fotovoltaica fico contente e agradecido. É um orgulho imenso e fico feliz em ver todo meu tribunal nesta Comarca”.

Andrea Zilio e Emanuelly Falqueto | Comunicação TJAC