Parceria entre TJAC e FGB possibilita atividades em casas de acolhimento

A agenda inclui dança, brincadeiras, ginástica, e outras atividades recreativas que visam melhorar a interação social e a qualidade de vida dos idosos, adolescentes e jovens acolhidos

A equipe da Fundação Municipal de Cultura, Esporte e Lazer Garibaldi Brasil (FGB), iniciou na terça-feira, 21, as atividades recreativas nas casas de acolhimento de Rio Branco,  a partir de uma parceria com o Tribunal de Justiça do Acre (TJAC), por meio da Coordenadoria da Infância e Juventude (CIJ) e da Escola do Poder Judiciário (Esjud). 

Fazer o final de ano um pouco mais alegre é a missão da equipe técnica da FGB e Secretaria Municipal de Assistência Social e Direitos Humanos (SASDH), que levaram oficinas de atividades culturais, música, palhaços Café com Leite, Caçarola e Serafina, e não poderia faltar, o Papai Noel.

As atividades realizadas tem o objetivo de melhorar a interação social e a qualidade de vida nos jovens acolhidos. Alongamento, aquecimento com dança e ginástica, além de recreação com brincadeiras como balão, morto-vivo, dança da cadeira, cabo de guerra e macaco xico, fizeram o dia mais divertido, extraindo o sorriso e quebrando a rotina.

Na terça-feira, 21, as primeiras casas de acolhimento começaram a receber as equipes de recreação, como o Lar Dona Elza, Maria Tapajós e Sol Nascente. Seguindo a agenda, na quarta-feira, 22, o Lar Ester e na quinta-feira, 23, o Educandário Santa Margarida serão assistidas.

A coordenadora do CIJ, desembargadora Regina Ferrari disse estar entusiasmada com o inicio das ações e falou da importância dessa cooperação. “É indiscutível que possibilitar o acesso das crianças e dos adolescentes à educação, ao lazer, ao esporte e a cultura são cruciais no desenvolvimento e formação delas”, comentou.

Elisson Nogueira Magalhaes | Comunicação TJAC