TJAC e Cruz Vermelha Brasileira finalizam entrega de kits escolares com ação em Santa Rosa

 Projeto “Voltas às Aulas” realizou entregou kits escolares também nos municípios de Feijó, Jordão, Marechal  Thaumaturgo e Porto Walter

Cinco municípios foram contemplados com a entrega de 2.238 kits escolares doados pelo projeto “Volta às Aulas”, realizado pela Cruz Vermelha Brasileira (CVB), em parceria com o Tribunal de Justiça do Acre (TJAC). A ação é financiada pela Embaixada do Reino dos Países Baixos. Na quarta-feira, 6, as entregas foram finalizadas com a distribuição de 571 kits no município de Santa Rosa do Purus.

As entregas dos kits foram realizadas pela equipe do TJAC, com apoio de servidoras e servidores das prefeituras de cada município. A presidente do Tribunal de Justiça do Acre, desembargadora Waldirene Cordeiro, ressaltou que a sensação é de dever cumprido e de muita satisfação pela contribuição dada ao projeto em sua atuação no Acre. “O projeto contribuiu com 2.238 crianças, permitindo que elas tivessem acesso a um material escolar que permite que desenvolvam melhor suas aptidões e competências”, disse. 

O projeto abrange mais quatro estados no do Brasil, amparando alunos e alunas do ensino fundamental de escolas públicas em municípios com baixos Índice de Desenvolvimento Humano (IDH). Um dos critérios para seleção das crianças é que, preferencialmente, tenham de 6 a 8 anos e que frequentem o ensino fundamental público. 

Nos kits foram entregues: mochila, caderno, apontador, borracha, cola, tesoura sem ponta, lápis, grafite, lápis de cor, garrafa reutilizável de água, papel A4, estojo, manual de prevenção à COVID-19, caixa de máscaras descartáveis infantis e frasco de álcool em gel.

Santa Rosa do Purus foi o último município no Acre a receber a ação. A servidora do TJAC, responsável pela entrega, Alessandra Araújo, disse que a ida em cada município foi uma importante experiência. “Tivemos contatos com muitas pessoas especiais que estiveram envolvidas no processo de montagem e entrega, e elas foram fundamentais para conseguirmos realizar a ação. O Tribuna de Justiça do Acre sente-se honrado em contribuir para o fortalecimento da educação dessas crianças”. comentou.

Andréa Zílio | Comunicação TJAC