TJAC promove atividade para servidores em alusão ao Dia Mundial da Saúde

Encontro com palestra foi realizado na sede da Esjud; servidores puderam esclarecer dúvidas sobre doenças e agravos de saúde.

Em alusão ao Dia Mundial da Saúde (7 de abril), o Tribunal de Justiça do Acre, por meio da Gerência de Qualidade de Vida (Gevid), disponibilizou, na manhã desta sexta-feira (6), uma palestra com o tema “Saúde e Qualidade de Vida” aos servidores lotados na sede administrativa da instituição.

Ministrada pelo biomédico André Lanna de Oliveira (Unifesp), nas instalações da Escola do Poder Judiciário (Esjud), a palestra abordou diversos temas como as Doenças Sexualmente Transmissíveis (DST´s) e suas formas de contágio e prevenção, a importância da medicina preventiva, além de agravos de saúde como a hipertensão e o diabetes, dentre outros assuntos.

Durante o encontro os servidores presentes também puderam tirar suas dúvidas e realizar questionamentos, que foram esclarecidos pelo palestrante.

O diretor de gestão de pessoas do TJAC, Hudson Magalhães, destacou a importância da iniciativa e assinalou que os servidores devem estar atentos aos devidos cuidados com a saúde não somente para que estejam aptos a cumprir com as tarefes institucionais a contento, mas também para que tenham mais qualidade de vida com suas famílias no tempo livre.

“A nossa qualidade de vida no trabalho e em casa são recíprocas, uma influi sobre a outra, uma questão de simbiose. Muitas vezes a gente se dedica completamente ao trabalho, se afunila e se cega. Acabamos chegando às nossas casas estressados, justamente no momento em que nos reencontramos com nossas famílias, nossos filhos. Por isso, a grande importância da qualidade de vida – para que essa balança esteja sempre em pé de igualdade, para que estejamos realmente bem”, assinalou.

HPV: inimigo de homens, mulheres e crianças

O palestrante André Lanna de Oliveira dedicou especial atenção ao perigo representado pelo vírus do papiloma humano (HPV), agente infeccioso capaz de causar verrugas em várias partes do corpo – em especial, nos órgãos genitais – em homens, mulheres e crianças.

Frequentemente relacionado ao surgimento do câncer do colo do útero (mais de 90% dos casos), o HPV é também a DST de maior incidência na população mundial, caracterizando-se por uma grande facilidade de transmissão e contágio, inclusive pela utilização de banheiros públicos, toalhas e roupas compartilhadas – ou seja, sem a necessidade de uma relação sexual para que seja transmitido.

“Por isso a importância da informação, antes de qualquer coisa, mas também da imunização por meio da vacina contra o HPV, que já está disponível há algum tempo no mercado e que mantém a pessoa protegida por até 25 anos”, destacou o profissional.

Postado em: Galeria, Geral | Tags:

Fonte: Publicado em 06/04/2018