Últimas vagas para a I Edição de Conversão Coletiva de União Estável em Casamento

O Projeto Cidadão é um programa social que tem como objetivo ampliar o acesso à documentação básica; 

Restam menos de 100 vagas para a próxima edição do Projeto Cidadão. As inscrições começaram no último dia 22 e estão ocorrendo exclusivamente pelo telefone. A documentação do casamento será gratuita aos beneficiados, por isso a iniciativa é voltada para famílias com baixa renda.

Como o país e o mundo ainda enfrentam a pandemia de Covid-19, estando o Acre na bandeira amarela, a ação é voltada apenas para casais que já moram juntos e querem formalizar o casamento. A conversão da união estável em casamento será basicamente documental e marcada por um evento on-line simbólico.

A presidente do Tribunal de Justiça do Acre, desembargadora Waldirene Cordeiro, explicou que o Projeto Cidadão estava paralisado desde 2019: “estamos nos reinventando e superando diversos desafios nesse período. Essa é mais uma demonstração do esforço e compromisso do tribunal com a população”, enfatizou.

Leia mais: TJAC realiza I Edição de Conversão Coletiva de União Estável em Casamento

 

 

Assessoria | Comunicação TJAC