Vepma realiza doação de alimentos a instituições de assistência social de Rio Branco

A Vara de Execução de Penas e Medidas Alternativas (Vepma) realizou no último mês de fevereiro a entrega de mais de 750 quilos de alimentos não perecíveis. Eles foram arrecadados através das ações do curso de formação de cabeleireiros do programa Começar de Novo e do Fundo das Penas Pecuniárias.

Do total, 350 quilos foram arrecadados pelos alunos do curso de formação de cabeleireiros da Vepma diretamente no Salão Escola da unidade judiciária. Durante os seis meses de duração do curso, foram oferecidos à população serviços de corte, escova e coloração, ao custo simbólico de um quilo de qualquer alimento não perecível.

O restante, 450 quilos, foram arrecadados através do Fundo das Penas Pecuniárias das varas criminais da Comarca de Rio Branco. A Vara também destinou cerca de R$ 180 mil em dinheiro para serem doados a instituições que atuam no tratamento de dependentes químicos.

Os alimentos foram doados a 15 instituições sociais de Rio Branco, dentre elas as creches São Peregrino e Pequena Taisla, a Associação Amigos do Peito, o Instituto Restaurando Vidas (IRV); e as casas de recuperação Arco-Íris, Caminhos de Luz, Peniel, Ebenezer, Jocum, Gileade, Mão Amiga, Shalon, Ômega e Reconstruindo Vidas para o Reino de Deus.

Além delas, também receberam os donativos a Associação de Parentes e Amigos de Dependentes Químicos (Apadeq). Cada instituição recebeu cerca de 50 quilos de alimentos como açúcar, arroz, café, feijão, farinha de trigo, macarrão, óleo, dentre outros itens.

Já a quantia de aproximadamente R$ 180 mil, proveniente do Fundo das Penas Pecuniárias, foi dividida, de acordo com os projetos selecionados, entre as instituições Associação Cristã de Apoio às Pessoas em Situação de Vulnerabilidade Social (Acapev), Associação de Parentes e Amigos de Dependentes Químicos (Apadeq), Caminhos de Luz, Desafio Jovem Peniel, Gileade, IRV e Setor de Desentoxicação/Saúde Mental do Hospital de Urgências e Emergências de Rio Branco (Huerb), que trabalham com a recuperação de dependentes químicos. Os valores serão utilizados para fins de reforma e ampliação e também para a compra de equipamentos.

A juíza titular da Vepma e coordenadora do programa Começar de Novo no Acre, Maha Manasfi, se disse feliz pela oportunidade de poder ajudar de forma efetiva as entidades que apoiam a luta contra a dependência química no estado. “Alegra-nos muito podermos contribuir com os trabalhos desenvolvidos por essas instituições, tão importantes no combate a esse mal que aflige nossa sociedade. Esperamos que esse apoio possa amenizar as necessidades dessas casas terapêuticas”, disse.

Fundo das Penas Pecuniárias

A Vara também publicou recentemente o edital do Fundo das Penas Pecuniárias para o ano de 2014. Instituições sociais interessadas em apresentar projetos devem ficar atentas ao prazo de inscrições, que teve início na última semana e vai até o próximo dia 15 de abril.

Para concorrer ao benefício, as entidades devem estar regularmente constituídas e cadastradas na Vepma. É necessário preencher o formulário disponibilizado na secretaria da Vara e apresentar proposta de projeto, que deve seguir o roteiro técnico disponibilizado no Anexo II do Edital de Abertura. Uma versão digital do documento pode ser encontrada no Edital nº 1/2014, publicado no Diário da Justiça eletrônico nº 5.110 (fls. 105 e 106), de 27 de fevereiro de 2014.

A Vara de Execução de Penas e Medidas Alternativas (Vepma) da Comarca de Rio Branco está localizada no Fórum da Avenida Ceará (Av. Ceará, nº 2.692, Bairro Bosque).
Os contatos da unidade judiciária são
(68) 3211-5383 vepma-rb@tjac.jus.br.

Postado em: Notícias | Tags: Sem tags

Fonte: Atualizado em 17/06/2015