20 de fevereiro de 2015

A presidente do Tribunal de Justiça do Acre, desembargadora Cezarinete Angelim, esteve reunida nesta quinta-feira (12) com o juiz-auxiliar da corregedoria geral da Justiça de Rondônia
, Johnny Clemes, por ocasião do encerramento da visita do magistrado ao Estado para conhecer os trabalhos desenvolvidos pela Justiça Volante.

Também participaram do encontro o coordenador do Centro de Conflitos e Cidadania dos Juizados Especiais Cíveis de Rio Branco (Cejus – JEC), juiz substituto Marlon Machado, o diretor de logística do TJAC, Augusto Mota e o secretário executivo do Tribunal de Justiça de Rondônia (TJRO) Marcelo Oliveira.

Após dar as boas vindas aos visitantes, Cezarinete Angelim fez um breve resumo das experiências da Justiça Volante, desde que foi implantada no Estado, em 1995, pela própria magistrada, até os dias atuais, em que se prepara para estender seus serviços também às comarcas de Brasiléia e Cruzeiro do Sul.

A presidente do TJAC destacou que o serviço prestado pela Justiça Volante tem tanto a capacidade de solucionar conflitos decorrentes de acidentes de trânsito de uma forma eficiente, com um alto grau de resolutividade, quanto de aquecer o mercado de peças, impulsionando, assim a economia local, contribuindo ainda para o aprimoramento da imagem social da instituição.

Cezarinete Angelim também ressaltou que o interesse e a visita da equipe do TJRO demonstram o nível de sucesso e profissionalismo alcançados pela Justiça Volante acreana, uma das primeiras a serem implantadas no país.

Mais uma vez o Estado do Acre, sem qualquer prepotência ou arrogância, é vanguarda. Nós já estivemos em Manaus implantando o serviço da Justiça Volante e agora nossos colegas de Rondônia vêm ao Acre para conhecer o funcionamento e nós darmos a eles a experiência que temos nesse serviço que é tão importante. E nosso trabalho é exatamente esse, de aproximação com a sociedade, na qualidade de servidores que somos, trabalhando para dar uma resposta rápida, eficaz e justa para seus conflitos”, considerou.

Por sua vez, o juiz-auxiliar da corregedoria geral da Justiça de Rondônia, Johnny Clemes, agradeceu a atenção recebida e explicou que a experiência acreana deverá servir como base para a reimplantação da Justiça Volante daquele Estado, desativada há alguns anos em razão de problemas técnicos e de logística.

Nós percebemos que esse sistema é um caso de sucesso, que já existe há muito tempo e que só vem melhorando a cada dia, e decidimos fazer essa visita técnica para poder colher os dados que justificam o sucesso desse sistema para reimplantar a Justiça do Trânsito de Rondônia já com essa experiência consagrada pelo Acre”

Visita

A visita do juiz-auxiliar da corregedoria geral da Justiça de Rondônia ao Estado do Acre teve duração de três dias.

Durante esse período, o magistrado pôde conhecer de perto o trabalho desenvolvido pela Justiça Volante, inclusive acompanhando as equipes no atendimento de ocorrências.

Johnny Clemes também realizou uma visita ao Centro Integrado de Operações em Segurança Pública (Ciospe) para verificar de que forma o monitoramento remoto das vias públicas pode ser utilizado. O objetivo é dirimir dúvidas e ajudar a estabelecer a responsabilização dos que causam acidentes de trânsito.

Sobre a Justiça Volante

A Justiça Volante é um projeto desenvolvido desde 1995 pelo Tribunal de Justiça do Acre. Atualmente, o órgão está inserido no Sistema de Juizados Especiais da Comarca de Rio Branco.

Quando a Justiça Volante é acionada, suas viaturas se dirigem até o local do acidente, propiciando às partes envolvidas o ressarcimento dos danos materiais de forma rápida, eficaz e segura.

Ao todo, quatro equipes técnicas se revezam no atendimento das ocorrências. O serviço é gratuito e está disponível ao cidadão de segunda a segunda, das 7h às 22h.

Em caso de acidentes que não envolvam veículos oficiais, patrimônio público ou vítimas, o cidadão deve ligar para os seguintes telefones:

_______________________________

ATENDIMENTO DA JUSTIÇA VOLANTE

190 ou (68) 9985.2750

Veja os demais artigos da(s) categoria(s): Destaques, Notícias Gerais

Comments are closed.