Tribunal de Justiça empossa Adair Longuini

Em Sessão Solene Especial realizada na noite de sexta-feira, dia 7, no Teatro da Faculdade da Amazônia Ocidental (FAAO), a Presidente do Tribunal de Justiça do Acre, Desembargadora Izaura Maia, empossou o novo integrante da Corte Acreana – Desembargador Adair José Longuini.

A Mesa Diretora dos trabalhos, composta pela Corte de Justiça e presidida pela Desembargadora Izaura Maia, também contou com a presença do Senador Tião Viana, Presidente Interino do Senado Federal; do Governador do Estado, Arnóbio Marques; do Deputado Edvaldo Magalhães, Presidente da Assembléia Legislativa do Estado do Acre; do Prefeito Municipal de Rio Branco, Raimundo Angelim Vasconcelos; da Procuradora de Justiça Giselle Mubarac Detoni, Subprocuradora-Geral de Justiça, representando o Ministério Público do Acre; do advogado Florindo Poersch, Presidente da Ordem dos Advogados do Brasil – Seccional do Acre; do Desembargador Yedo Simões de Oliveira, representante do Tribunal de Justiça do Estado do Amazonas; do Desembargador Péricles Moreira Chagas, Presidente do Tribunal de Justiça do Estado de Rondônia; do Juiz Laudivon de Oliveira Nogueira, Presidente da Associação dos Magistrados Acreanos; e da servidora Rosane Ferraz Miranda, Presidente do Sindicato dos Servidores do Poder Judiciário do Acre.

Em Tribuna de Honra, os Desembargadores Jorge Araken Faria da Silva, Eliezer Mattos Scherrer e Ciro Facundo de Almeida, membros de ontem do Egrégio Tribunal de Justiça do Acre, também participaram da Sessão Solene Especial.

Declarado abertos os trabalhos da Sessão pela Presidente Izaura Maia, o ainda juiz de Direito Adair José Longuini foi conduzido à Mesa pelos Desembargadores Eva Evangelista e Pedro Ranzi, a mais antiga e o mais moderno integrante do Tribunal, para prestar Juramento e assinar o Termo de Posse. Já empossado como novo Desembargador, Longuini tomou assento no lugar que lhe é destinado no Tribunal Pleno, conforme a ordem de antiguidade.

Em nome da Corte, o Desembargador Samoel Martins Evangelista saudou o novo desembargador, discorrendo sobre algumas passagens da vida pessoal e profissional do magistrado, durante sua longa trajetória pelas comarcas do interior e capital do Acre. A solenidade teve prosseguimento com o discurso da Subprocuradora Geral de Justiça Giselle Mubarac Detoni, que em nome do Ministério Público saudou o novo membro do Tribunal de Justiça. Em seguida, foi a vez do professor Jorge Araken Faria da Silva saudar Adair Longuini em nome da Ordem dos Advogados do Brasil, Seccional do Acre. Por fim, o Presidente Interino do Senado Federal, Senador Tião Viana, realizou uma saudação especial ao mais novo membro do TJAC.

Após ser agraciado com a Medalha do Mérito Judiciário pelas mãos da Desembargadora Miracele Lopes Borges, Adair José Longuini se dirigiu aos presentes com um discurso pautado pela gratidão e emoção. Ao final, em breves palavras, a Presidente Izaura Maia saudou o magistrado recém-empossado, declarando: “Seja bem-vindo, pois, Desembargador Adair José Longuini, nesta ocasião em que celebramos juntamente com a sua posse, o encontro dos membros de hoje com os ilustres membros de ontem”.

Finalizada a Sessão, o empossado recebeu os cumprimentos dos familiares, amigos e convidados que foram prestigiar a cerimônia, entre desembargadores, juízes, promotores e servidores do Judiciário, além de várias autoridades do Executivo e do Legislativo Estadual e Federal.

 

 

Adair José Longuini – trajetória profissional

Natural de Atalaia (PR), o Juiz de Direito Adair José Longuini tem 54 anos e 19 anos de serviços prestados ao Poder Judiciário do Estado do Acre. Formou-se em Direito pela Universidade Estadual de Maringá em 1978. Antes de ingressar na magistratura, atuou como advogado, servidor da Prefeitura do Município de Uniflor (PR), IBGE, Secretarias de Agricultura e de Fazenda do Estado do Paraná, INCRA e Banco do Brasil. Em março de 1988, assumiu como Juiz de Direito da Vara Cível da Comarca de Cruzeiro do Sul, onde permaneceu até junho daquele ano. A partir de então, atuou como Juiz de Direito da Comarca de Xapuri, no período de junho de 1988 a janeiro de 1994. Posteriormente, passou a exercer suas atividades como Juiz de Direito da Comarca de Rio Branco, onde respondeu pela 1ª. Vara Cível até 7 de dezembro de 2007.

Postado em: Notícias | Tags: Sem tags

Fonte: Atualizado em 17/06/2015