TJAC promove encontro para debater Rede de Proteção à Mulher em Cruzeiro do Sul

Como resultado, o encontro aprimorou a competência de cada órgão e entidade para atendimento à mulher vítima

A coordenadora estadual das Mulheres em Situação de Violência Doméstica e Familiar do Tribunal de Justiça do Estado do Acre (TJAC), desembargadora Eva Evangelista, promoveu encontro com representantes do sistema de justiça de Cruzeiro do Sul para debater a interiorização da Rede de Proteção à Mulher na cidade.

A finalidade do encontro, solicitado pela juíza de Direito titular de Proteção à Mulher de Cruzeiro do Sul, Carolina Bragança, teve a finalidade de os participantes tirarem suas dúvidas sobre os fluxos de atendimentos e alinharem esse fluxo para uma melhor prestação de serviço à vítima na região do Vale do Juruá. A atividade ocorreu no auditório da Cidade da Justiça.

Na oportunidade, a desembargadora-coordenadora, acompanhada da juíza-auxiliar da Presidência, Andréa Brito, que também é titular da Vara de Execuções de Penas e Medidas Alternativas da Comarca de Rio Branco (VEPMA) e responsável pelas audiências de custódia, apresentaram o fluxo de atendimento às vitimas, em Rio Branco, e atividades voltadas às mulheres e aos agressores, já com resultados positivos, para mudança de comportamento no intuito da restruturação familiar.

Como resultado, o encontro aprimorou a competência de cada órgão/entidade para atendimento à mulher e novas reuniões serão promovidas para alinhamento das demandas.

Postado em: Galeria, Notícias | Tags:,

Fonte: Atualizado em 11/03/2020