TJAC promove ação solidária com doação de alimentos a entidades de assistência social

Iniciativa faz parte de um projeto maior chamado Tribunal Solidário, que visa a alteridade, a humanização e a responsabilidade social.

O sorriso de quem já viveu muito, a inocência nos olhos de quem ainda está começando a viver. Histórias que foram alcançadas em uma mesma tarde, graças a mais uma ação solidária da atual gestão do Tribunal de Justiça do Acre. A desembargadora-presidente Cezarinete Angelim conduziu a doação de quase três toneladas de alimentos, que foram entregues ao Lar Vicentino e ao Educandário Santa Margarida, os quais cuidam de idosos e crianças, respectivamente.

As doações são provenientes da validação de inscrição dos candidatos que participaram do último Processo Seletivo para Estágio de Nível Superior da Comarca de Rio Branco.

“Viemos ajudá-los e, mais que isso, conhecê-los de perto, olhá-los. Tinha muita vontade de entrar aqui, de estar com vocês”, afirmou a presidente do TJAC, logo no início da visita. Ela fez questão de cumprimentar cada um dos idosos que prestigiaram o ato de doação – estendendo-lhes não apenas a mão física, mas a da justiça fraterna.

doacao_lar_vicentinos_tjac_5

“Só temos que agradecer, pois precisamos muito dessa ajuda. Estaremos sempre de portas abertas para o Tribunal de Justiça”, disse a presidente do Lar Vicentino, Simone D’ávila.

Já a diretora da entidade, Gislene Chalub, elogiou o fato de o Tribunal se fazer presente na Casa, já que geralmente acontece o contrário: as doações são feitas de maneira mais fria e impessoal, com a idade das entidades até as instituições.

A iniciativa faz parte de um projeto maior chamado Tribunal Solidário, que foi implementado em 2015. A ação vai ao encontro da alteridade, defendida pela atual gestão, que é colocar-se no lugar do outro, além da humanização – desde o atendimento, passando pela prestação de serviços e na integração de agendas públicas que reforcem a cidadania e a busca pelo bem comum, além da responsabilidade social.

A casa abriga 68 idosos entre homens e mulheres, com idade entre 58 e 100 anos. A desembargadora-presidente visitou dormitórios, refeitórios, enfermarias e outras dependências para acompanhar a assistência que o lar proporciona aos seus moradores.

Educandário Santa Margarida

Já no Educandário Santa Margarida, Cezarinete Angelim foi recebida pela presidente da entidade, Rita Batista, e por Edenilce Dantas, que faz parte da equipe técnica.

doacao_educandario_tjac_3

A presidente do Tribunal de Justiça Acreano visitou as instalações do espaço, incluindo os berçários, e interagiu com diversas crianças.

A maioria delas, de alguma maneira, foi separada de suas famílias. O lugar também oferece assistência às vítimas de violência e outras vulnerabilidades sociais. Muitos desses menores, inclusive, são encaminhados ao Educandário pelo Conselho Tutelar ou pela Vara da Infância e da Juventude. Alguns deles foram vítimas de violência doméstica ou abandonados.

Há crianças com apenas um mês de nascimento, outras estão já de há algum tempo no espaço. Mas todas de igual modo precisam de assistência, de cuidado e de acolhimento.

doacao_educandario_tjac_6

Mais de uma tonelada de alimentos não perecíveis (arroz, feijão, açúcar ou leite em pó) foi entregue, por meio da assinatura de termo de doação.

doacao_educandario_tjac_4

A desembargadora salientou que a iniciativa faz parte da responsabilidade social da Instituição e que a visita representava uma confirmação do trabalho realizado.

“Aqui, diante dessas crianças, cujo olhar é de esperança, renovamos as nossas forças para continuar trabalhando, estendendo a mão amiga da justiça e colocando em prática a solidariedade, que faz parte da missão do Poder Judiciário do Acre”, assinalou Cezarinete Angelim.

Ao agradecer pela visita, apoio e doações, a presidente do Educandário Santa Margarida, Rita Batista, disse que o objetivo “é tornar a vida dos pequeninos, a cada dia, mais alegre e colorida”, “minimizando as circunstâncias problemáticas que as envolvem”.

doacao_educandario_tjac_5

A entrega dos donativos teve a participação da Diretoria Gestão de Pessoas (Dipes), por meio da Gerência de Desenvolvimento de Pessoas (Gedep), unidades responsáveis pela organização do processo seletivo que redundou na arrecadação das doações.

doacao_educandario_tjac_7

A Diretoria do Vale do Alto Acre (Drvac) também apoiou a iniciativa, com a organização, distribuição e entrega dos alimentos. Lotado na Diretoria, o servidor Michael Oliveira colaborou diretamente com o transporte e descarregamento dos donativos. “Uma missão dessa é uma satisfação muito grande, pois sentimos que fazemos parte do resultado. Nesse caso, então, é gratificante saber que pessoas estão sendo ajudadas”, relatou.

Postado em: Notícias | Tags:

Fonte: Ex. DIINS - Diretoria de Informação institucional Publicado em 06/04/2016