TJAC e ESMAC encerram o curso “Depoimento Sem Dano”

Na tarde da última quarta-feira, 6, no auditório da Escola Superior da Magistratura do Acre (ESMAC) aconteceu o encerramento do Curso “Depoimento Sem Dano – Uma alternativa para inquirir crianças e adolescentes nos processos judiciais”, promovido pelo Tribunal e a Escola para magistrados e técnicos do Judiciário acreano.

Os desembargadores Pedro Ranzi (Presidente), Adair Longuini (Vice-Presidente), Samoel Evangelista (Corregedor Geral da Justiça) e Eva Evangelista (Diretora da ESMAC) estiveram presente para parabenizar o trabalho desenvolvido pela equipe técnica do Tribunal de Justiça do Rio Grande do Sul (TJRS), responsável pela atividade realizada em Rio Branco.

O curso, que foi precedido por um seminário de mesmo nome na segunda-feira, 4, aconteceu nos dias 5 e 6 deste mês e foi ministrado pela assistente social Vânea Maria Visnievski e pela psicóloga Betina Tabajaski,  do TJRS. O treinamento é objeto do convênio celebrado entre o TJAC e a Secretaria Especial de Direitos Humanos da Presidência da República e visa, principalmente, a capacitação de pessoal para execução do Projeto Depoimento Sem Dano no Acre.

Durante o encerramento, o Desembargador Pedro Ranzi falou da importância do novo projeto desenvolvido pelo Judiciário acreano e afirmou que a atual gestão não medirá esforços para sua implantação. “Essa é uma ferramenta muito importante para a nossa Justiça, uma inovação que com certeza vai contribuir para a prestação jurisdicional em nosso Estado”, destacou o Presidente.

Ele também aproveitou a oportunidade para elogiar o trabalho que vem sendo desenvolvido pela Direção da ESMAC, que na sua avaliação não tem medido esforços para promover a capacitação da magistratura acreana. “Estamos todos de parabéns pelo belo trabalho executado pela nossa Escola da Magistratura”, disse o Presidente.

Para Eva Evangelista, o evento se reveste de muita importância para o Tribunal e para toda a sociedade, já que objetiva otimizar técnicas de abordagem de um tema delicado envolvendo a criança e o adolescente vítima de violência. “Agradeço o apoio que a ESMAC tem recebido da Direção do Tribunal, o carinho da equipe que ministrou este treinamento, bem como a participação de todos os senhores. Após tão rico aprendizado, que possamos realizar nosso trabalho de maneira cada vez melhor”, disse a Desembargadora, Decana da Corte Acreana.

O evento foi encerrado com um coquetel servido pela Direção da ESMAC a todos os participantes do treinamento.

   

Leia mais:

 

Postado em: Notícias | Tags: Sem tags

Fonte: Publicado em 08/05/2009