Semana Nacional da Conciliação: Reunião com juízes leigos e conciliadores conclui preparativos para o evento em Rio Branco

Com o objetivo de alinhar procedimentos e concluir e a agenda de trabalho para os próximos sete dias de atividades da VII Semana Nacional da Conciliação, o Grupo de Trabalho encarregado da organização do evento realizou na tarde de segunda-feira (5) uma reunião com todos os conciliadores, juízes leigos e servidores que atuarão como conciliadores “ad hoc” nas audiências em Rio Branco.

O encontro aconteceu no Centro de Capacitação dos Servidores do Poder Judiciário e contou com a presença do presidente do Tribunal de Justiça, desembargador Adair Longuini, e das juízas Regina Longuini e Mirla Cutrim, que integram o GT.

“Essa reunião teve como finalidade revisar com os conciliadores, juízes leigos e servidores os aspectos técnicos da audiência de conciliação: como ela pode ser melhor conduzida, o diálogo entre as partes, quais técnicas o conciliador pode utilizar para restabelecer esse diálogo e, assim, facilitar o entendimento e a conciliação entre as partes”, explicou a juíza Mirla Cutrim.

Este ano, a Semana Nacional da Conciliação traz algumas novidades, como o atendimento no sábado e no domingo e a inclusão de processos na área criminal, como ameaça, calúnia, difamação e alguns tipos de crimes de trânsito.

Em todo o Estado do Acre, o Tribunal de Justiça estima a realização de 1600 audiências, englobando as áreas cíveis e criminais.

De acordo com a juíza Mirla Cutrim, “sabemos ser difícil alcançar 100% de acordos, uma vez que isso não acontece nem em condições normais, por isso estamos estimando que atingiremos um percentual de 30% de acordos fechados ao longo dos sete dias de atividade”.

No ano passado, durante a Semana da Conciliação foram realizadas 844 audiências no Estado, com atendimento de 866 pessoas e movimentação de mais de R$ 360 mil nos acordos firmados. O percentual de acordos atingiu cerca de 30%.

Como participar

As pessoas interessadas em participar da Semana Nacional da Conciliação podem procurar saber, por meio do portal do TJAC na internet (www.tjac.jus.br), se o seu processo foi pautado para o período do evento, que acontece de 7 a 14 de novembro, ou também podem comparecer voluntariamente na unidade judiciária onde tramita a sua causa para tentar realizar um acordo.

Para mais informações, ou esclarecimento de dúvidas, os interessados devem fazer contato com o CEJUS – Centro Judiciário de Solução de Conflitos e Cidadania de Rio Branco:

CEJUS Rio Branco
Fórum da Avenida Ceará, nº 2692, Bairro Abrahão Alab.
(68) 3211.5412 e 3211.5414.
cejus1rb@tjac.jus.br

Postado em: Notícias | Tags: Sem tags

Fonte: Atualizado em 30/06/2015