Rádio Justiça: uso do amianto em discussão no “Espaço Forense”

Confira, a seguir, os destaques da programação da Rádio Justiça para hoje, sexta-feira, 06.06.2008. Informamos que a programação segue o horário oficial de Brasília (DF), mas que a Rádio disponibiliza em seu site – www.radiojustica.gov.br – um acervo onde os usuários podem consultar, ouvir ou fazer o download dos programas de seu interesse.

 

Investigação sobre detentos suspeitos de comandar tráfico de drogas entre os destaques de hoje

 

O Ministério Público da Paraíba participa de investigação sobre detentos suspeitos de comandar tráfico de drogas e armas. Esse é um dos destaques do “Jornal da Justiça” desta sexta (6). Acompanhe entrevista sobre o assunto com o procurador Francisco Sagres. O noticiário destaca também entrevista com o promotor de justiça Maximiliano Ribeiro Deliberador. Ele fala sobre a denúncia de que adolescentes estariam sendo impedidos de entrar em um shopping da cidade. A Promotoria de Justiça de Defesa do Consumidor de Curitiba abriu procedimento para apurar o caso. O objetivo é saber se houve ofensa a princípios garantidos pela Constituição Federal. Ainda nesta sexta (6), a segunda matéria especial sobre guarda compartilhada. A repórter Roniara Castilhos apresenta a experiência bem sucedida de um casal. A guarda compartilhada foi aprovada pela Câmara dos Deputados em maio e agora depende apenas da sanção presidencial para entrar em vigor. O “Jornal da Justiça” vai ao ar das 6h às 8h.

 

Uso do amianto em discussão no "Espaço Forense"

 

O Supremo Tribunal Federal (STF) manteve a vigência da lei estadual nº 12.684/07, que proíbe o uso de qualquer produto com amianto em São Paulo. A decisão cassou liminar do ministro Marco Aurélio, que havia suspendido a vigência da lei paulista. O amianto é utilizado principalmente na fabricação de cimentos, caixas d’água, isolantes térmicos e telhas. O produto foi banido em vários países pelos riscos que causa à saúde e ao meio ambiente. Para debater o assunto, o “Espaço Forense” entrevista o presidente da Associação Brasileira dos Expostos ao Amianto (Abrea), Eliezer João de Souza, e a promotora do Grupo de Atuação Especial de Saúde Pública (Gaesp) do Ministério Público de São Paulo Anna Trotta Yaryd, Também participa do programa a engenheira e auditora fiscal do Ministério do Trabalho Fernanda Giannasi. Ela é fundadora da Rede Virtual Cidadã pelo Banimento do Amianto na América Latina. A partir das 11h.

 

Multa por propaganda eleitoral antecipada em debate no “Hora Legal”

 

O juiz da 1ª Zona Eleitoral de São Paulo Marco Antonio Martin Vargas multou o vereador Adilson Amadeu (PTB) em R$ 21.282 por propaganda antecipada. O vereador teria distribuído panos de prato, porta-documentos, calendários de bolso, cartões e convites para visitas na Câmara Municipal. O material continha logomarca desenvolvida em campanha anterior. A propaganda eleitoral é permitida somente a partir de 6 de julho. Para mais detalhes, o Hora Legal entrevista o responsável pela decisão, o juiz Marco Antonio Martin Varga. A partir das 8h.

 

Jogos eletrônicos para criança e castigo são temas do “Direito Direto”

 

Os jogos eletrônicos atraem cada vez mais crianças pela novidade e variedade de ofertas de diversão. Muitos meninos e meninas recebem dinheiro dos pais para jogar. Até que ponto a atitude é correta? Qual o risco para a saúde da criança? Quem fiscaliza? O “Direito Direto” debate o assunto nesta sexta (6). Outro tema do programa é o castigo. Pais temem ser rigorosos com os filhos na hora de aplicar o castigo e, ao mesmo tempo, sabem que precisam estabelecer limites. Com a proteção dada pelo Estatuto da Criança e do Adolescente (lei nº 8.069/90), filhos chegam a ameaçar os pais de denunciá-los à Justiça caso sofram algum tipo de punição. E agora? O programa começa às 15h.

 

Radioagência Justiça Emissoras interessadas podem receber e retransmitir gratuitamente boletins diários produzidos pela Radioagência Justiça. São jornais com as principais notícias do Judiciário transmitidos diariamente. Basta um cadastro pela internet. A Rádio pode ser sintonizada na freqüência 104,7 FM, em todo o Distrito Federal, pelo satélite ou pelo site, no endereço eletrônico www.radiojustica.gov.br. Nas unidades do Poder Judiciário do Acre, os interessados devem acessá-la a partir do link disponível na página do TJAC: www.tjac.jus.br.     

Postado em: Notícias | Tags: Sem tags

Fonte: Publicado em 06/06/2008