Rádio Justiça: debate sobre a moralidade na política

Confira, a seguir, os destaques da programação da Rádio Justiça para hoje, segunda-feira, 14.04.2008. Informamos que a programação segue o horário oficial de Brasília (DF), mas que a Rádio disponibiliza em seu sitewww.radiojustica.gov.br – um acervo onde os usuários podem consultar, ouvir ou fazer o download dos programas de seu interesse.

A moralidade na política em debate na Rádio Justiça na segunda-feira

Candidatos com ficha criminal reacendem a discussão sobre a moralidade dos interessados em exercer cargos eletivos. A seis meses das eleições municipais, o “Espaço Forense” debate o assunto com um defensor do processo de moralização, o presidente do Tribunal Regional Eleitoral (TRE) do Rio Grande do Norte, Cláudio Manoel de Amorim Santos. Ele também é titular do Colégio de Presidentes dos TREs. Também participa do programa o promotor Thales Tácito. O programa “Espaço Forense” começa às 11h da manhã.

"Hora Legal" discute o direito animal

O promotor da Justiça e Meio Ambiente de Salvador e professor do curso de pós-graduação da Universidade Federal da Bahia, Heron Santana Gordilho, foi o primeiro a escrever uma tese de doutorado em defesa dos animais no Brasil. Em 2005, o promotor pediu um habeas corpus para a chimpanzé Suíça, que estava no zoológico de Salvador. Longe de seu habitat, Suíça não tinha perspectiva de vida. O ato é até hoje referência mundial, pois Suíça foi reconhecida como sujeito de direito. O caso é estudado em universidades de todo o mundo. Ao vivo, Pedro Beltrão entrevista o promotor Heron Santana Gordilho. O programa “Hora Legal” começa às 7h da manhã desta segunda.

Ministro Marco Aurélio Mello é o entrevistado do "Brasil Eleitor"

Agentes públicos estão proibidos de conceder aumento salarial. Esse foi um dos destaques do programa “Brasil Eleitor””de sábado (12). Saiba também sobre a propaganda eleitoral pela internet. Ela só pode ser divulgada em página exclusiva da campanha. E uma curiosidade: arqueólogos encontram fragmentos de cerâmica do século XVII durante escavações na antiga sede do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), no Rio de Janeiro. No programa de sábado, o presidente do TSE, ministro Marco Aurélio Mello, também falou sobre a importância de se conhecer o passado para a garantia de dias melhores. O “Brasil Eleitor” foi ao ar no sábado (12), mas o arquivo do programa encontra-se disponível para consulta e download no portal da Rádio.

Abandono do centro administrativo em Aracaju em destaque no “Direto ao Cidadão”

O programa transmitido no sábado (12) destacou o abandono, pelo governo de Sergipe e pela prefeitura de Aracaju, do centro administrativo da capital do Estado. Servidores e usuários sofrem com a falta de limpeza, de conservação e de segurança. O procurador da República Paulo Fontes apontou os problemas enfrentados por quem freqüenta o local. O “Direto ao Cidadão” foi ao ar às 13h45 de sábado, mas o seu arquivo pode ser acessado no site da Rádio.

Os principais destaques jurídicos da semana no “Súmula”

O Supremo Tribunal Federal suspendeu a ação para a retirada de arrozeiros de reserva indígena em Roraima, o ministro Humberto Gomes de Barros foi empossado na presidência do Superior Tribunal de Justiça e o Banco do Brasil continua impedido de hipotecar o imóvel do ex-deputado Sérgio Naya para pagar indenizações a moradores do edifício Palace. Esses foram os principais destaques do programa “Súmula” apresentado no sábado e domingo (12 e 13), a partir das 13 horas. O arquivo do programa encontra-se disponível para consulta e download no portal da Rádio.

A evolução econômica de Brasília em matéria especial sobre o aniversário da cidade

De cada quatro moradores do Distrito Federal, um é servidor público. A informação está na matéria especial do repórter Adriano Oliveira sobre a evolução do trabalho e da economia na capital federal. É a sétima matéria da série de reportagens em homenagem aos 48 de Brasília. Acompanhe nesta segunda no programa “Notícia e Cidadania” 2ª Edição, às 12 horas, ou no “Acesso Público”, a partir das 22 horas.

Rock de Brasília e o compositor Nei Lopes na programação cultural da Rádio Justiça

É chegada a hora de ouvir o que a capital federal tem de rock. Acompanhe às 21 horas desta segunda, no programa “No Tempo da Música”, a primeira parte do especial Rock Brasília. Já o programa “Justo Samba””apresenta as canções do escritor, cantor e compositor Nei Lopes. Também nesta segunda, a partir de meio-dia e meia.

Radionovela sobre o Bicentenário do Judiciário destaca a Constituição de 1824

Passada a euforia da independência e a aclamação de Dom Pedro I como imperador, era hora de colocar ordem na casa. O primeiro passo foi retomar a Assembléia Constituinte. Joaquim, conselheiro e fiel amigo de Dom Pedro, vivia dias de glória… Ao lado da mulher, Maria, e do filho, João Vicente Brasileiro, ele participava ativamente da transformação do Brasil. O jovem João Vicente Brasileiro acompanhou de perto os trabalhos da constituinte, e ficou desapontado quando, no fim, o imperador decidiu outorgar a autoritária Carta de 1824.

Eis o resumo do 6º capítulo da radionovela especial "Os 200 anos do Judiciário Independente no Brasil", que vai ao ar nesta segunda (14), nos horários de 8h50, 12h50, 14h50, 18h20, 21h50, 23h50, 1h50, 3h50 e 5h50. A radionovela conta a história do Brasil, com foco na evolução da Justiça, desde a chegada de Dom João VI ao país, em 1808, até os dias atuais. A iniciativa faz parte das comemorações do bicentenário do Judiciário, promovidas pelo STF. Há interação entre personagens reais, como Dom Pedro e a Corte portuguesa, e personalidades fictícias. O programa vai ao ar de segunda a sexta-feira pela Rádio Justiça e também está disponível no site www.stf.gov.br/bicentenario.

Emissoras recebem os boletins da Radioagência Justiça

As principais notícias do Judiciário estão nos jornais das 8h, 12h, 18h30 e 22h30. Os boletins podem ser retransmitidos por outras emissoras. Basta um cadastro pela internet. A Rádio pode ser sintonizada na freqüência 104,7 FM, em todo o Distrito Federal, ou pela rádio web, via internet, no endereço eletrônico www.radiojustica.gov.br. Nas unidades do Poder Judiciário do Acre, os interessados devem acessá-la a partir do link disponível na página do TJAC: www.tjac.jus.br.

Postado em: Notícias | Tags: Sem tags

Fonte: Publicado em 14/04/2008