Rádio Justiça: as responsabilidades das torcidas organizadas nos estádios

Confira, a seguir, os destaques da programação da Rádio Justiça para hoje, quarta-feira, 27.02.2008. Informamos que a programação segue o horário oficial de Brasília (DF), mas que a Rádio disponibiliza em seu site – www.radiojustica.gov.br – um acervo onde os usuários podem consultar, ouvir ou fazer o download dos programas de seu interesse.

Rádio Justiça discute as responsabilidades das torcidas organizadas nos estádios

A necessidade da colaboração dos torcedores com a Polícia Militar antes, durante e depois da realização dos jogos foi discutida durante a primeira reunião do Fórum Permanente das Torcidas Organizadas do Estado do Rio de Janeiro. Participaram juízes do Tribunal de Justiça do Rio, os principais times cariocas e representantes do Ministério Público e da Segurança Pública do Estado. As torcidas devem, por exemplo, se responsabilizar pela indicação dos baderneiros e apresentá-los à polícia ou diretamente ao juizado instalado nos estádios. Sobre o assunto, o programa Espaço Forense”entrevista o juiz do TJ/RJ, Marcello Rubioli, o promotor criminal Paulo Castilho e o presidente da Torcida Jovem do Flamengo, André Luís de Oliveira. Também participa do programa o coordenador do Juizado do Torcedor de Pernambuco, Ailton Alfredo. A partir das 11h da manhã desta quarta (27).

Demissão de trabalhador que critica empresa pela internet é tema do Hora Legal

A Justiça trabalhista condenou uma empresa de telemarketing a pagar verbas rescisórias a um empregado demitido por justa causa. O trabalhador foi dispensado depois de expressar insatisfação com a empresa em comunidade criada por ele no Orkut – site de relacionamentos na internet. A decisão foi da 1ª Turma do Tribunal Regional do Trabalho da 10ª Região (Distrito Federal e Tocantins). Para mais detalhes, Pedro Beltrão conversa com o juiz André Damasceno, do TRT da 10ª Região. Outro tema do programa Hora Legal”desta quarta (27) é a revisão, prevista para o primeiro semestre deste ano, de 23 mil processos de mulheres presas em todo o país. A defensora pública federal Tatiana Siqueira Lemos fala sobre o assunto. O Hora Legal começa às 7h da manhã.

As canções de 1968 no CineMúsica

“O Sol nas bancas de revista me enche de alegria e preguiça. Quem lê tanta notícia?", os versos são da música “Alegria, Alegria”, de Caetano Veloso. O Sol foi um jornal que, durante seis meses, marcou o ano de 1968, época do regime militar, de protestos de estudantes, do Ato Institucional nº 5 (AI-5). O AI-5 concedeu amplos poderes aos militares, proibiu a liberdade de imprensa e as eleições no país. No programa CineMúsica, ouça Caetano Veloso, Gilberto Gil, Chico Buarque e outros sons da época na trilha sonora do documentário que conta um pouco dessa história. Nesta quarta (27) e sábado (1º de março), a partir das 21h.

Radioagência Justiça

As principais notícias do Judiciário estão nos jornais das 8h, 12h, 18h30 e 22h30. Os boletins podem ser retransmitidos por outras emissoras. Basta um cadastro pela internet. A Rádio pode ser sintonizada na freqüência 104,7 FM, em todo o Distrito Federal, ou pela rádio web, via internet, no endereço eletrônico www.radiojustica.gov.br. Nas unidades do Poder Judiciário do Acre, os interessados devem acessá-la a partir do link disponível na página do TJAC: www.tj.ac.gov.br.

Postado em: Notícias | Tags: Sem tags

Fonte: Publicado em 27/02/2008