Quintas do Araken começa com sucesso de público

O Plenário do Palácio da Justiça se tornou pequeno na tarde de quinta-feira (05) para comportar as Quintas do Araken. 191 pessoas inscritas, a maioria estudantes, lotaram o espaço para assistir à primeira palestra do Desembargador aposentado Jorge Araken.

O evento também foi prestigiado por diversas autoridades, dentre as quais o Desembargador Arquilau Melo; os juízes de Direito Regina Longuini, Raimundo Nonato e Maha Manasfi; o Defensor Público Dion Nóbrega Leal, o Conselheiro do Tribunal de Contas do Estado (TCE), Cristovão Messias, o advogado Sérgio Quintanilha e o Presidente da Academia Acreana de Letras, Clodomir Monteiro.

Durante a uma hora e meia da aula inaugural, Jorge Araken discorreu sobre o Habeas Corpus, uma das garantias constitucionais fundamentais. Citando exemplos históricos, e os atuais de sua militância como advogado – mas sem abrir mão do bom humor-, ele impressionou os presentes pela didática. O público ficou até o final, quando pôde participar com perguntas dirigidas ao palestrante, e com o sorteio de camisas alusivas ao projeto.

Charge

Um dos momentos mais aplaudidos da tarde foi quando Jorge Araken mencionou uma charge publicada no jornal A Gazeta, que satiriza o evento. “Eu não sabia que estava tão famoso. Quando abri o jornal, fui surpreendido: vi na charge que uma criança chorava, ao que sua mãe o repreendeu, dizendo “pare de chorar, menino, se não eu te mando para as Quintas do Araken”, afirmou aos risos.

Avaliação

Ao final do encontro, o Desembargador Arquilau Melo avaliou a primeira palestra do projeto Quintas do Araken. “Foi além de nossa expectativa. Imaginávamos que ia ser um sucesso, mas não tanto. Estamos surpresos, incrível como as pessoas estavam ansiosas esperando por este momento. O número de pessoas comprova isso. Além disso, Jorge Araken fez com o que o público interagisse o tempo todo", afirmou.

A advogada Núbia de Musis parabenizou o Tribunal de Justiça do Acre pela iniciativa. “Esse projeto é muito engrandecedor para a Justiça, para os operadores do Direito e para os acadêmicos. O Tribunal está de parabéns por esse projeto, que é uma motivação para todos nós. Espero que continue por muito tempo”, enfatizou.

Já o Desembargador Araken, que faz questão de ser chamado de advogado, agradeceu pela oportunidade. “Confesso que estou emocionado. Foi uma experiência incrível, não tenho palavras para descrever algo tão grande. Agradeço ao Desembargador Arquilau que idealizou este evento, pela receptividade de tantos jovens, dos amigos e dos meus familiares. Farei o possível para corresponder a esse público tão maravilhoso que me prestigia”, destacou.

Próximos encontros

O próximo encontro está marcado para o dia 19 de maio, com o tema “Mandado de Segurança”. Nos encontros seguintes estão programados os temas “As Funções Essenciais à Justiça”, “Ação Popular” e “Democracia e as Consultas Populares: Referendo e Plebiscito”.

Para mais informações e inscrições, os interessados devem ligar para os telefones (68) 3211-5560 (Secretaria do Palácio da Justiça) ou 3302-0318 (Assessoria de Comunicação Social e Cerimonial), ou ainda escrever para o e-mail quintasdoaraken@tjac.jus.br.

 

 

 

 

Postado em: Notícias | Tags: Sem tags

Fonte: Publicado em 06/05/2011