Projeto Radioativo é destaque no Encontro Nacional de Aprendizagem

Ação busca proporcionar qualificação profissional e oportunidades a jovens em situação de vulnerabilidade social

A coordenadora da Infância e da Juventude (CIJ), desembargadora Regina Ferrari, participou na tarde desta quinta-feira, 5, representando o Tribunal de Justiça do Acre (TJAC), da reunião de abertura do Encontro Nacional de Aprendizagem do SENAI, realizado na modalidade virtual, em razão da pandemia de coronavírus.

Durante o evento online, a titular da coordenadoria destacou a importância do projeto Radioativo, que tem como objetivo disponibilizar qualificação profissional a adolescentes em situação de conflito com a lei e outras situações de vulnerabilidade social.

O projeto foi criado em 2018 pela Federação de Indústrias do Estado do Acre (FIEAC) e pelo TJAC, por meio da CIJ, com a participação de diversas entidades, empresas e instituições públicas parceiras, como o Governo Federal, através dos Ministérios da Economia e do Trabalho, Ministério Público do Acre (MPAC), entre outros.  

A desembargadora Regina Ferrari agradeceu aos parceiros e, em especial, à FIEAC que é realizadora do projeto junto ao TJAC. Ela ressaltou o importante apoio do empresariado local pela aceitação do desafio da responsabilidade social e engajamento no projeto Radioativo, que já apresenta bons frutos, com a contratação de 40 adolescentes em situação de vulnerabilidade, como jovens aprendizes, além da disponibilização de qualificação por meio do SENAI, de oportunidades de capacitação para outras dezenas de adolescentes.

“Nós sabemos que muitas das mazelas da violência urbana e do mundo das organizações criminosas são frutos da falta de oportunidades e de uma forma digna para começar de novo, quando saem do sistema socioeducativo. São jovens que não têm pais, mães, parentes que os olhem. São pessoas totalmente excluídas do seio da sociedade. Às vezes é preciso desafiar a razão para levar a luta avante. Se nós não tentarmos, não faremos a diferença. E é aqui que nos encontramos com esse trabalho maravilhoso do SENAI, SESC, SESI e de grandes empresários”, disse a titular da CIJ.

A magistrada também destacou a importância da gestão do conhecimento e da aprendizagem para geração de riquezas e para os avanços sociais, principalmente diante dos desafios que o Brasil e o mundo enfrentam durante a pandemia do novo coronavírus.

“É um desafio hercúleo, nós sabemos. Mas isso é fazer democracia, isso é ser humanitário. O que é democracia senão uma verdadeira e gigantesca fraternidade de homens e mulheres que não renunciam a suas missões, suas conquistas e assumem a sua responsabilidade? Quero finalizar dizendo que o meu coração está hoje cheio de contentamento e de gratidão aos nossos empresários, parceiros e ao nosso presidente da FIEAC, José Adriano”.

O presidente da Federação das Indústrias do Estado do Acre manifestou, no evento, a intenção de tornar o projeto Radioativo um programa institucional com atuação possível também nos municípios do interior. “Meu otimismo é total, apesar de todos os problemas que tivemos no ano de 2020. Estou muito feliz porque os números indicam um trabalho de alto nível. Espero que tão logo seja possível transitar com segurança nas empresas, nas instituições, a gente consiga aumentar o número de parceiros e tenha um sucesso grandioso”, ressaltou Adriano.

 

 

Postado em: Galeria, Notícias | Tags:, ,

Fonte: Atualizado em 05/11/2020