Programa de Prevenção às Drogas: 4ª etapa de atividades do Programa prossegue em dezembro

A Vara de Delitos de Tóxicos e Acidentes de Trânsito e a Central de Penas Alternativas (CEPAL) de Rio Branco, por meio do Grupo de Orientação e Conscientização de Dependência Química promoverão no dia 14 de dezembro, no Teatro Plácido de Castro, às 19h30min, solenidade que marcará o encerramento, neste ano, da 4ª Etapa do Programa de Prevenção às Drogas do Tribunal de Justiça do Acre. O objetivo é difundir a reinserção social das pessoas que cumprem pena em unidades prisionais, bem como conscientizar a juventude acreana acerca dos malefícios causados pelas drogas.

Coordenada pelos juízes de Direito Elcio Sabo e Maha Manafsi, titulares das unidades judiciárias, a programação especial de encerramento já está sendo elaborada, e contará com várias atividades, como a participação de grupos artísticos, além da presença autoridades e entidades parceiras.

A iniciativa do Poder Judiciário do Acre faz ratifica a campanha institucional do Conselho Nacional de Justiça (CNJ), denominada "Começar de Novo". A idéia é sensibilizar a população brasileira sobre a necessidade de reinserir, no mercado de trabalho e na sociedade, presos ou egressos do sistema carcerário.

Continuidade

Neste mês de novembro, foi realizado no auditório da Escola Estadual Armando Nogueira mais um evento – destinado aos reeducandos e estudantes -, que ampliou a discussão da temática.

A solenidade contou com as presenças do Vice-Presidente do TJAC, Desembargador Adair Longuini. da Juíza de Direito Maha Manasfi, do Presidente do Instituto de Administração Penitenciária (IAPEN), Leonardo Carvalho, do Presidente do Conselho Estadual de Entorpecentes, Mário Élder Melo, de Denise Bonfim, proprietária do Restaurante Pão de Queijo, de representantes da Polícia Federal, Promotor de Justiça Abelardo Townes, do Defensor Público Cássio Tavares, além de assessores e servidores do Tribunal Acreano..

Após abertura dos trabalhos feita pelo Desembargador Adair Longuini, e pronunciamentos da Magistrada Maha Manasfi, e de outras autoridades, a programação seguiu com a participação de cantoras do coral da Polícia Militar. Em seguida, foi apresentada uma peça pelo grupo de teatro Manaí. Também foram exibidos vídeos institucionais da Vara de Tóxicos e da Cepal, mostrando os trabalhados desenvolvidos pelo Programa de Prevenção às Drogas.

O conselheiro Mário Elder de Melo Lina, do Conselho Estadual de Entorpecentes do Acre (Conen) ministrou palestra, voltada principalmente aos reeducandos, explicitando a questão das drogas: a fabricação, a distribuição, o tráfico, o consumo, o vício, as etapas da dependência, os males, as implicações na saúde dos dependentes, na família, na sociedade, a relação drogas e crimes, etc.

O evento teve, ainda, a apresentação do grupo de dança hip hop do Centro de atenção psicossocial álcool e drogas (Caps ad), bem como de integrantes do Grupo de Orientação e Conscientização à Dependência Química.


 

 

Leia mais:

Postado em: Notícias | Tags: Sem tags

Fonte: Publicado em 27/11/2009