Novo Fórum Criminal será entregue nas próximas semanas

O presidente do Tribunal de Justiça, Roberto Barros, esteve reunido nessa segunda-feira (3), com os juízes das unidades criminais da Comarca de Rio branco que irão se mudar para a Cidade da Justiça, que vai abrigar o Fórum Criminal da Capital.

O novo Fórum Criminal da Capital será composto por cinco pavimentos, em um total de 5.070 m² de área construída. Ao todo, 12 unidades criminais da Comarca de Rio Branco irão funcionar no local. O empreendimento será oficialmente entregue à comunidade nas próximas semanas.

O presidente da Asmac, Raimundo Nonato, falou sobre o novo espaço, e o que representa para os magistrados e comunidade.

“Para os magistrados representa uma avanço principalmente pelo fato de concentrar em um único local todas a unidades criminais. Isso vai facilitar para o usuário, que vai se dirigir para um local especifico, diferentemente de como funciona hoje, temos unidades espalhadas pelo menos por três endereços diferentes na cidade, e isso dificulta para quem vai depor. Quando nos estivermos nas unidades novas onde vai concentrar tudo será bem mais fácil”, disse

Após a reunião alguns magistrados acompanhados do Juiz auxiliar da presidência, Cloves Augusto, visitaram as dependências do Fórum Criminal  onde várias equipes trabalham nos últimos detalhes para entrega da obra que está marcada para as próximas semanas.

Cidade da Justiça

Concebido como um dos principais e estratégicos projetos da atual gestão do TJAC, a Cidade da Justiça terá na qualidade e na eficiência do serviço público dois importantes princípios, seguindo a tendência dos modernos centros urbanos em concentrar espacialmente atividades e serviços públicos para melhor ocupação e organização da cidade.

O empreendimento permitirá a reunião de todos os serviços judiciários em um mesmo local, amplo e estruturado. Com facilidade de acesso e transporte, a comunidade forense e a população serão recebidas com maior conforto e terão um atendimento mais otimizado.

É possível acompanhar todas as etapas do empreendimento por meio do link disponibilizado no site do Tribunal.

A Cidade da Justiça de Rio Branco irá beneficiar principalmente os cidadãos que batem à porta do Judiciário à procura da chamada tutela jurisdicional (resposta institucional com vistas à solução de conflitos). Além disso, magistrados e servidores do TJAC também serão beneficiados com instalações mais amplas, adequadas e seguras.

Postado em: Notícias | Tags:

Fonte: Atualizado em 18/12/2014