Natal sem Fome dos Sonhos será lançado em Rio Branco nesta terça-feira

O Tribunal de Justiça do Acre, através do Projeto Cidadão, coordena, pelo quarto ano consecutivo o mutirão da solidariedade em Rio Branco e a campanha Natal sem Fome dos Sonhos. O mutirão será realizado pelo TJ numa ação com seus principais parceiros no Projeto Cidadão. Integram o grupo, o Comitê da Ação para a Cidadania no Acre, Banco do Brasil, Exército, Acisa, Fundação Elias Mansour, Biblioteca Pública, Secretaria de Ação Social, Secretaria da Juventude e TV Acre. O lançamento oficial da campanha será realizado nesta terça-feira às 10h na sala de reuniões do edifício sede do TJ/AC pelo desembargador Arquilau Melo, coordenador estadual do Projeto Cidadão. A edição deste ano do Natal sem Fome marca a nova diretriz da campanha, que passa a recolher não só alimentos, mas também livros infanto-juvenis e brinquedos, roupas e utensílios domésticos a serem doados às entidades que trabalham com crianças deficientes, pessoas idosas desamparadas, hansenianos, creches comunitárias e casas de leitura. Apesar da mudança, a logística da campanha será a mesma, os postos de coleta vão ser instalados para receber as doações da população. Os brinquedos arrecadados serão distribuídos no Natal, em vários bairros da Capital e os livros, irão compor os Espaços de Leitura, bibliotecas itinerantes que irão percorrer as comunidades durante todo o ano, com o objetivo de incentivar a leitura em crianças e jovens, além das Casas de Leitura. Em Rio Branco a campanha de arrecadação começa nesta terça-feira e vai até o dia 22 em 11 postos de arrecadação em diversos bairros. No dia 16, sábado, será realizado um mutirão de arrecadação das doações nos bairros da Capital, com o apoio do Exército. Da mesma forma que a campanha original se prestou para divulgar o número de famílias na linha da miséria e reivindicar ao Estado políticas públicas para amenizar a fome e a miséria, o Natal sem Fome dos Sonhos pretende ressaltar a necessidade de melhorar a qualidade da educação e diminuir o analfabetismo no país.

Postado em: Notícias | Tags: Sem tags

Fonte: Publicado em 11/12/2006