MP e Procuradorias aderem ao Sistema de Automação da Justiça

A Direção do Tribunal de Justiça do Estado do Acre participou nessa quinta-feira (29) da solenidade de assinatura de contrato para implantação do Sistema de Automação da Justiça (SAJ) no Ministério Público Estadual, na Procuradoria-Geral do Estado e na Procuradoria-Geral do Município de Rio Branco. Dessa forma, as instituições estarão integradas ao Poder Judiciário Acreano, o que garantirá agilidade no trâmite processual e na comunicação das entidades que promovem a Justiça.

Os Desembargadores Pedro Ranzi, Adair Longuini e Samoel Evangelista, Presidente, Vice-Presidente e Corregedor Geral da Justiça, respectivamente, prestigiaram o evento, realizado no auditório da Biblioteca da Floresta. Também estiveram presentes o Chefe do Gabinete Civil do Governo do Estado, Edson Manchini, representando o governador Binho Marques; o Procurador Geral de Justiça, Sammy Barbosa; o Procurador-Geral do Estado, Roberto Barros; a Secretária de Segurança Pública, Márcia Regina; o prefeito de Rio Branco, Raimundo Angelim; procuradores, Promotores de Justiça e operadores do Direito. A solenidade também marcou a comemoração, pela primeira vez, do Dia do Procurador do Estado.

“Somos avalistas da aquisição do SAJ, que permitirá falarmos a mesma linguagem e compartilharmos do mesmo sistema, da mesma tecnologia de informação. Essa integração nos permite avançar não apenas em nossa relação institucional, mas princialmente no aperfeiçoamento de nossas ferramentas de trabalho e na eficiência da prestação de nossos serviços”, destacou o Presidente do TJAC, Desembargador Pedro Ranzi.

O objetivo da iniciativa é tornar acessíveis as informações processuais nos portais da rede mundial de computadores (Internet), com andamento atualizado e conteúdo das decisões de todos os processos, respeitado o segredo de Justiça.

“Estamos escrevendo mais um daqueles bons capítulos no Estado Acre e um passo largo na consolidação do acesso à Justiça. Nesse sentido, a participação do Tribunal de Justiça foi decisiva, na visão moderna de gestão dos Desembargadores Pedro Ranzi, Adair Longuini e Samoel Evangelista, que muito se esforçaram para que conhecêssemos e nos convencêssemos da necessidade de utilização desse sistema e dessa solução”, ressaltou o Procurador Geral da Justiça, Sammy Barbosa.

O Corregedor Geral da Justiça, Desembargador Samoel Evangelista, enfatizou a importância do apoio do Governo do Estado na concretização da parceria. “Queremos registrar nosso agradecimento ao Executivo por ter atendido ao nosso anseio. Já temos Varas Virtuais (que não usam mais processo em meio físico, papel) e nossas Comarcas já estão interligadas. Mas isso não adiantaria se todos não utilizassem a mesma plataforma tecnológica. Estamos dando exemplo para todo País ao integramos a uma mesma solução todos os nossos parceiros. Este é, portanto, um momento de alegria e congraçamento”, considerou.

O que é o SAJ

O SAJ é um sistema especialmente desenvolvido para a informatização dos Tribunais, Ministério Público e Procuradorias que, além de atender as necessidades particulares de cada instituição, permite a integração das entidades que promovem a Justiça.

Segundo o Procurador Geral do Estado, a integração propiciará celeridade no andamento dos processos, e democratizará o acesso dos cidadãos à Justiça, já que a consulta processual poderá ser feita 24h pela Internet.

Nesse sentido, o sistema imprime agilidade e facilidade no acesso às informações, possibilitando o compartilhamento de dados. Ele automatiza procedimentos ao mesmo tempo em que apresenta alternativas de trabalho e fornece ferramentas de alta produtividade ao usuário. O alto grau de adequabilidade das soluções permite ainda que estas sejam personalizadas e configuradas de acordo com as necessidades das instituições.

 

 

Postado em: Notícias | Tags: Sem tags

Fonte: Publicado em 30/04/2010