Mais Arte apresenta as exposições fotográficas ‘Sem Terras’ e ‘Povo Yawa’, de Odair Leal

O Tribunal de Justiça do Acre realiza a partir desta quarta-feira (28) a 12ª Edição do Projeto Mais Arte. Pela segunda vez, o repórter fotográfico Odair Leal apresenta seu trabalho no Judiciário Acreano. Desta vez, porém, o público é convidado a conhecer as duas exposições mais recentes do fotógrafo: “Os Sem Terras da Amazônia” e “Povo Yawa”.

O Presidente do TJAC, Desembargador Pedro Ranzi, recebe nesta quarta, às 16h, o fotógrafo e convidados para lançamento oficial da mostra, que permanecerá no Palácio da Justiça (Rua Benjamin Constant, 277, Centro) no período de 28/04 a 21/05 deste ano. Posteriormente, as exposições fotográficas seguem para o Tribunal de Justiça (Rua Floriano Peixoto, 460, Centro), espaço onde permanecerá de 26/05 a 25/06.

Os agendamentos para visitas coletivas, como grupos de alunos ou turistas, devem ser feitos pelo telefone (68) 3211-5357 – Assessoria de Comunicação Social e Cerimonial.

Odair Leal

O repórter fotográfico Odair Leal começou como estagiário do jornal A Semana, em 1997. Depois disso, passou pelos jornais A Gazeta, O Estado, O Rio Branco e há quatro anos integra a Assessoria de Comunicação Social da Assembléia Legislativa do Estado do Acre – ALEAC. Também colabora com diversos jornais e agências de comunicação, entre as quais Folha de São Paulo, Valor Econômico, O Dia, O Paraná, Correio Brasiliense, A Crítica, Diário do Amazonas e Washington Post.

De espírito aventureiro, Leal está sempre viajando, percorrendo roteiros nacionais e internacionais em busca de histórias, culturas e paisagens para fotografar. Além da prática do fotojornalismo, seu trabalho destaca a riqueza e diversidade da natureza brasileira, especialmente amazônica.

As fotos que compõem a exposição e o livro “Sem Terras na Amazônia”, produzidos em 2007, foram feitas no acampamento Nova Esperança, no município de Lábrea, na região Sul do Estado do Amazonas. Devido à distância da Capital, Manaus, a sua população tradicionalmente recorre aos serviços e às autoridades do Estado do Acre. Assim, o material fotográfico apresentado por Leal foi produzido durante a visita de uma comissão de deputados acreanos à área, após denúncias de conflitos e assassinatos envolvendo posseiros, grileiros e jagunços.

Já as fotos da exposição “Povo Yawa”, revelam as faces do VI Festival de Dança, Expressão Artística, Cultural e Espiritual do Povo Yawanawa, o Festival Yawa, que aconteceu de 25 a 30 de agosto de 2008, na Aldeia Nova Esperança, no rio Gregório, no território do município de Tarauacá, no Acre. Leal registrou os melhores momentos do evento que demonstra a força de um povo que luta pela preservação de sua cultura, identidade e espiritualidade.

O trabalho de Odair Leal pode ser conferido nos endereços eletrônicos www.odairleal.com.br e http://flickr.com/photos/odairleal/. Aos interessados, a obra “Sem Terras na Amazônia” estará disponível para venda durante todo o período das exposições no Judiciário. 

   

Postado em: Notícias | Tags: Sem tags

Fonte: Publicado em 27/04/2010