Lançada 2ª Edição do Projeto Mais Arte

Para o lançamento oficial da 2ª. Edição do Projeto Mais Arte, os desembargadores Izaura Maia, Presidente, Pedro Ranzi, Vice-Presidente, e Eva Evangelista, Corregedora Geral da Justiça, receberam na tarde de terça-feira, 11, o Presidente do Sindicato dos Jornalistas do Acre (SINJAC), Marcos Vicentti, o fotógrafo Odair Leal e os representantes do Instituto de Ensino Superior do Acre (IESACRE), Sérgio Flórido, diretor da faculdade, Evaldo Pereira, coordenador do Curso de Comunicação Social – Jornalismo, e Concita Cardoso, professora de fotojornalismo.

Na intenção de aproximar a arte do dia-a-dia do servidor da Justiça, o Projeto Mais Arte reúne nesta edição três trabalhos na área da fotografia: “Documentário Fotográfico”, produzido pelos acadêmicos do curso de Jornalismo do IESACRE;    “Olhares”, de autoria do repórter fotográfico Odair Leal; e “Vida de Jornalista, Retratos e Emoções”, promovido pelo SINJAC.

Ao saudar os expositores, Izaura Maia falou da importância do Projeto, reconhecendo na parceria a oportunidade de trazer a arte para dentro do Tribunal ao mesmo tempo que garantir a divulgação e valorização dos trabalhos de artistas e profissionais do Estado. “Para nós é uma alegria muito grande poder contar com a colaboração de vocês na realização de mais esse trabalho”, disse a Presidente.

Em nome do SINJAC, Marcos Vicentti agradeceu o convite do para a exposição e a oportunidade aberta para o público conhecer melhor o cotidiano de dificuldades dos jornalistas acreanos em busca de uma reportagem. O fotógrafo Odair Leal também reforçou os agradecimentos pela chance de expor o seu trabalho. .

Segundo Sérgio Flórido, a parceria entre o Tribunal de Justiça e o IESACRE tem um significado importante para os alunos da instituição porque possibilita que as atividades por eles realizadas sejam reconhecidas por um número maior de pessoas. “Nossos alunos sentem-se felizes pela oportunidade de ter os senhores Desembargadores prestigiando a exposição elaborada por eles”, afirmou o diretor da faculdade.

As peças fotográficas permanecerão expostas no prédio do Tribunal de Justiça, no centro da cidade de Rio Branco, até o dia 30 de novembro deste ano.

Postado em: Notícias | Tags: Sem tags

Fonte: Publicado em 13/09/2007