Juiz mantém decisão do TJ Acre e começa o julgamento de fazendeiro

Começou pontualmente às 8 horas desta sexta-feira o julgamento do fazendeiro Antônio Augusto Bodão, acusado de ser o mandante do assassinato do ex-presidente do Banacre, Mauro Braga. Bodão já tinha conseguido adiar o julgamento por quatro vezes com manobras judiciais de seu advogado Rui Duarte. A última tentativa de foi o pedido de transfência do julgamento para o município de Acrelândia, mas o Pleno do Tribunal de Justiça indeferiu o pedido e confirmou para hoje a presença do acusado na sala de julgamentos da 4ª. Vara Criminal do Fórum Barão do Rio Branco. Centenas de curiosos estão nas dependências do tribunal. Familiares de Braga estão vestidos com camisas pedindo justiça. Na frente do Fórum também estão esticadas faixas com frases de revolta dirigidas ao fazendeiro. O julgamento deve entrar a noite. Fonte: Noticiasdahora.com

Postado em: Notícias | Tags: Sem tags

Fonte: Publicado em 16/12/2005