Encontro em São Luís tem avaliação positiva

Terminou na manhã deste sábado, dia 12, a pauta de discussão do 70º Encontro do Colégio Permanente de Presidentes de Tribunais de Justiça, realizado no São Luís Parque Hotel. O evento, cuja programação cultural encerrou com um jantar no Convento das Mercês, com apresentação do Boi Barrica e outras atrações, teve a participação de todos os presidentes dos Tribunais de Justiça do Brasil, além do presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), ministro Nelson Jobim. Entre os temas discutidos constaram os novos rumos da magistratura, a modernização do Poder Judiciário, as mudanças na Justiça a partir da Reforma do Judiciário, a troca de experiências entre tribunais e as últimas deliberações do Conselho Nacional de Justiça. Esta foi a última reunião do ano do Colégio de Presidentes, que realizam suas atividades a cada três meses. Com 13 anos de fundação, esta é a segunda vez que o encontro acontece na capital maranhense. Para o presidente do colégio, desembargador José Fernandes, esse foi um dos mais produtivos encontros dos presidentes dos Tribunais de Justiça do país. “A sua relevância se dá não só pela presença marcante e honrosa do ministro Nélson Jobim como pelos temas que estão sendo discutidos, todos da maior relevância para o judiciário brasileiro”, analisou. Ele destacou a aprovação de um projeto da Comissão Nacional de informática da Justiça Estadual, que vai possibilitar a uniformização de dados, a redução de custos, compra de equipamentos e a comunicação permanente on-line de todos os Tribunais de Justiça. Na avaliação do anfitrião do encontro, o presidente do Tribunal de Justiça do Maranhão, desembargador Milson Coutinho, a troca de informações é bastante útil para que os presidentes dos Estados mais pobres saibam administrar com poucos recursos. “Esses encontros servem para interligar realidades diferentes. Cada tribunal troca experiência e se aprende a conviver com pouco dinheiro e produzir o essencial para o jurisdicionado.” Fonte: Assessoria de Imprensa TJ/Maranhão

Postado em: Notícias | Tags: Sem tags

Fonte: Publicado em 12/11/2005