Enchente do Rio Acre: Tribunal de Justiça do Acre lança campanha ‘Judiciário Solidário’

Objetivo é a arrecadação de donativos e ajuda às famílias desalojadas pelas cheias ocorridas no Estado nessas últimas semanas.

O Tribunal de Justiça do Acre promoveu nesta quinta-feira (26) uma coletiva de imprensa para tratar sobre a campanha “Judiciário Solidário”, cujo objetivo é a arrecadação de donativos e ajuda às famílias desalojadas pela enchente do Rio Acre.

A coletiva foi conduzida pela desembargadora-presidente Cezarinete Angelim, na sede do Tribunal, com as presenças das desembargadoras Denise Bonfim (vice-presidente) e Regina Ferrari (corregedora geral da Justiça).

coletiva_imprensa_campanha_alacacao_tjac_fev15_3

Diretores, assessores e secretários da atual Administração também estiverem presentes, em uma clara demonstração de que juntos envidarão esforços para tornar exitosa a iniciativa institucional.

“O Poder Judiciário do Estado do Acre está entrando pra valer no auxilio às vitimas das enchentes. Nós criamos uma força-tarefa e agora esta campanha para, nesse primeiro momento, angariar doações referentes a alimentos, fraldas, roupas, colchão, travesseiro etc., porque os senhores sabem que nós vivemos um momento sem precedentes na história do Estado”, disse a presidente do Tribunal.

Até esta quinta-feira, mais de 2,6 mil pessoas estavam desabrigadas devido à cheia do Rio Acre.

Ao se dirigir aos profissionais de imprensa que participavam da coletiva, a desembargadora lembrou que “toda e qualquer forma de ajuda é bem-vinda” e que estava usando aquele espaço “para me dirigir a sociedade e pedir a todos que se irmanem, pois nós devemos dar as mãos neste momento”.

coletiva_imprensa_campanha_alacacao_tjac_fev15_2

A presidente da Corte de Justiça Acreana também destacou o apoio recebido pelas demais integrantes da Direção do Tribunal (desembargadoras Denise Bonfim e Regina Ferrari), bem como dos demais desembargadores, magistrados, servidores e de sua equipe de trabalho.

“Que nós possamos dar dignidade às famílias que sofrem, para que elas possam suportar esta primeira fase. Que venhamos lhes oferecer apoio, acolhimento e fraternidade”, concluiu, ao ratificar o compromisso de sua gestão por uma Justiça social.

coletiva_imprensa_campanha_alacacao_tjac_fev15_5

coletiva_imprensa_campanha_alacacao_tjac_fev15_4

Como vai funcionar

Qualquer pessoa pode contribuir e a campanha não se destina apenas a ajudar os que atuam direta ou indiretamente no Judiciário. Antes pelo contrário, é voltada principalmente ao público externo, à população.

Para participar, basta se dirigir com os seus donativos a qualquer um dos pontos de arrecadação.  Podem ser doados itens como arroz, farinha, macarrão, leite, óleo, açúcar, roupas, fraldas, lençol, cobertor, colchão e travesseiro, produtos de higiene e limpeza etc.

Pontos de arrecadação

Até o dia 31 de março, as pessoas podem se dirigir a quaisquer destes pontos de arrecadação.

Fórum Barão do Rio Branco
Setor: Protocolo
Rua Benjamin Constant, 1.165. Centro

Sede dos Juizados Especiais Cíveis
Setor: Recepção
Rua Manoel Rodrigues de Souza, 261. Bosque

Sede do Tribunal de Justiça
Setor: Protocolo
Rua Tribunal de Justiça, s/n. Via Verde.

Força-tarefa

O Tribunal de Justiça tem lançado mão também de uma força-tarefa, iniciada pelas Comarcas de Brasiléia e Epitaciolândia – municípios bastante afetados pelas enchentes do Rio Acre.

Esses municípios foram visitados pelas diretorias do Tribunal juntamente com presidente, de modo a levar solidariedade e apoio aos magistrados e servidores vitimados pela alagação.

Também durante a coletiva, Cezarinete Angelim destacou que uma Portaria Conjunta da presidência do tribunal com a corregedoria suspendeu o expediente forense e os prazos processuais nas Comarcas de Assis Brasil, Brasiléia, Epitaciolândia e Xapuri, até o dia 8 de março.

Contatos

Para mais informações, os interessados em participar da campanha Judiciário Solidário podem entrar em contato pelos números:

Tribunal de Justiça do Estado do Acre
(68) 3302.0317 / 3302.0470

Corpo de Bombeiros
(68) 3223.6045 / 193

Defesa Civil
(68) 3223.2711

Postado em: Notícias | Tags:,

Fonte: Atualizado em 07/04/2015