Des. Samoel diz que Projeto Cidadão é da sociedade

Para o presidente do Tribunal de Justiça, desembargador Samoel Evangelista, o convênio é mais uma confirmação do sucesso do projeto cidadão, um projeto que, apesar de coordenado pelo Tribunal de Justiça, não tem dono, “é de toda a sociedade”, e por isso tem dado tão certo. A documentação pessoal, segundo Evangelista é a porta de entrada para a cidadania e importante que o TJ do Acre possa estar auxiliando o Incra na garantia da cidadania nos projetos de assentamento de todo o Estado. Projetos estes que, em sua grande maioria, estão implantados em áreas de difícil acesso, o que dificulta aos seus moradores o acesso aos direitos básicos como o registro de nascimento, o CPF. “Não estamos apenas facilitando, com essa ação, seu acesso à cidadania, mas a garantia de que possam ter acesso ao crédito, melhorando sua produção e essa ação, que também é social, é muito importante e me sinto feliz em poder estar assinando este convênio, o primeiro do projeto cidadão de 2005, exatamente para uma ação tão importante como essa”, disse Evangelista. Fonte: Assessoria de Imprensa do TJAC

Postado em: Notícias | Tags: Sem tags

Fonte: Publicado em 17/06/2005