Corregedor-geral da Justiça visita novas instalações da Serventia de Serviços Notariais e de Registro da Comarca de Assis Brasil

Equipe participou da solenidade e também fez vistoria dos livros tão como o acompanhamento da transição da informatização dos atos.

As novas instalações da Serventia de Serviços Notariais e de Registro da Comarca de Assis Brasil foram apresentadas à sociedade nessa segunda-feira, 10. Equipe da Corregedoria-Geral da Justiça participou da solenidade e também fez vistoria dos livros tão como o acompanhamento da transição da informatização dos atos.

Instalada na Avenida Getúlio Vargas, no Residencial HM, bairro Centro, a unidade funciona sob a interinidade do delegatário Rodrigo Azevedo e conta com serviços de seis cartórios, em razão da pouca demanda do município.

Em seu pronunciamento, o corregedor-geral da Justiça, desembargador Júnior Alberto destacou sobre a dificuldade que muitas pessoas tinham ao precisar dos serviços cartorários, a melhoria na estrutura para recepção dos usuários, previsão de novos serviços e a preocupação do Tribunal de Justiça do Acre em fazer a população ter a garantia de cidadania.

“Muitas vezes, as pessoas tinham que se deslocar para Rio Branco ou Brasileia. Para uma pessoa com poucos recursos, era uma situação muito difícil. Agora temos uma ótima estrutura física e, brevemente, esperamos contar com a expedição de passaporte e RG, para atender a lei federal aprovada recentemente. O Poder Judiciário Acreano tem se aproximado do cidadão e cada vez mais oferecido serviços de qualidade e eficiência”, disse.

O delegatário Rodrigo Azevedo ressaltou que a serventia é voltada para a eficiência e legalidade para atender a todos os serviços que os cartórios utilizam. Ele também pediu compreensão da comunidade nesse momento de transição, por conta da informatização dos atos.

“Peço apoio e compreensão nesse momento, pois pode ser que alguns serviços atrasem em decorrência da informatização dos atos. Mas isso logo será sanado. Esperamos atender bem a todos”, ressaltou.

Azevedo, que é delegatário da Comarca de Brasileia, foi designado pelo corregedor-geral da Justiça, para responder de forma interina e provisória, pelas Serventias Extrajudiciais da Comarca de Assis Brasil. A decisão consta no Processo de nº 0001456-20.2019.8.01.0000 e levou em consideração a vacância de delegatário na unidade.

A sugestão pela designação constada em expediente à Presidência do Tribunal de Justiça do Acre, feita pelo juiz de Direito Alex Oivane, titular da Vara Única da Comarca de Assis Brasil, ressaltou o interesse do delegatário de Brasileia para assumir as Serventias Extrajudiciais do município vizinho.

“Foi uma empenho da Corregedoria-Geral da Justiça e o delegatário abraçou a causa. Será um belo atendimento para a população que está muito carente. Os documentos terão segurança da legalidade”, comentou o juiz de Direito Alex Oivane.

A solenidade também contou com o juiz-auxiliar da Coger, Leandro Gross, que enfatizou sobre os problemas operacionais, no início das tratativas, mas que todas as dificuldades foram superadas, e as presenças do prefeito de Assis Brasil, em exercício, José Ferreira, e presidente da Câmara de Vereadores, Ana Cláudia Moraes.

Ainda em agenda de trabalho, o corregedor-geral da Justiça e seu juiz-auxiliar visitaram a instalação da Vara Única da Comarca de Assis Brasil e o Fórum Edvaldo Abreu de Oliveira, em Brasileia, onde se reuniram com o juiz de Direito Gustavo Sirena.

 

Postado em: Galeria, Notícias | Tags: