Comarca de Brasiléia lança campanha de conscientização sobre drogas

Como forma de conscientizar crianças, adolescentes e jovens dos malefícios causados pelas drogas, o Juiz de Direito Substituto Alesson Braz, responsável pela Vara Criminal da Comarca de Brasiléia, e a Promotora de Justiça Laura Miranda lançaram o Projeto de Prevenção ao Uso, Abuso e Dependência Química Lícita e Ilícita no Contexto Social, que será executado nas escolas da rede pública de ensino do município.

O lançamento do projeto, ocorrido no início deste mês na Escola de Ensino Fundamental e Médio Kairala José Kairala, contou com grande participação da comunidade e as presenças da Juíza de Direito Substituta Shirlei Menezes, que responde pela Comarca de Epitaciolândia, representantes do Exército Brasileiro e das polícias Civil, Militar e Federal, igrejas Católica e Evangélica, Centro Espírita e mais de 300 alunos.

Na ocasião, o Juiz Alesson Braz explicou que a iniciativa pretende fazer um alerta sobre os males causados pelo consumo de drogas, responsável pelos altos índices de violência em todo o País. Ele enfatizou a necessidade da sociedade se unir em torno de ações que visam promover a solução do problema, que atinge todas as classes sociais.

"Não é só com a repressão que devemos combater o problema das drogas. Devemos, principalmente, desenvolver ações preventivas como esta, para conscientizar nossas crianças e nossos jovens do mal que as drogas representam", afirmou o magistrado.

A preocupação de Alesson Braz se justifica pelo fato do município de Brasiléia estar fronteira com a Bolívia, país reconhecido pelo plantio de maconha e cocaína, matéria-prima utilizada na produção de substâncias entorpecentes.

A execução do projeto consiste na apresentação pelo magistrado e pela promotora de palestras e painéis sobre o tema nas escolas.

 

Postado em: Notícias | Tags: Sem tags

Fonte: Publicado em 18/03/2010