Cidade da Justiça: TJAC assina ordem de serviço para mais uma etapa na construção do Fórum dos Juizados Especiais

O Tribunal de Justiça do Acre deu início a mais uma etapa na construção do novo Fórum dos Juizados Especiais de Rio Branco.

Nesta semana, o desembargador- presidente Roberto Barros assinou a ordem de serviço com a empresa TL Engenharia, para a execução de mais uma etapa desse prédio.

O investimento somente nessa fase será de mais de R$ 14 milhões de reais, e as obras serão iniciadas nos próximos dias.

O prédio terá uma área construída de sete mil metros quadrados, divididos em seis pavimentos destinados a abrigar os Juizados Especiais Cíveis e de Fazenda Pública, de Trânsito, além das Turmas Recursais.

“Essa obra é mais um investimento nesse Sistema, além de representar a continuidade do projeto institucional da Cidade da Justiça. Um prédio pensado especialmente para os Juizados, com um ambiente favorável à conciliação e que vai dar melhores condições de trabalho para os magistrados, servidores e de prestação de serviços para os cidadãos”, destacou o Roberto Barros.

Também neste mês de julho o Tribunal já havia assinado o contrato para os serviços iniciais e de fundação do novo Fórum dos Juizados Especiais – dessa vez com a empresa Âncora Construção Civil Lda. Nessa primeira etapa o investimento será de 1,2 milhão.

Investimentos e estrutura

Serão investidos na construção do novo Fórum dos Juizados Especiais aproximadamente R$ 21 milhões, com recursos do Banco Internacional para Reconstrução e Desenvolvimento (BIRD), do Governo do Acre e do próprio Tribunal.

O prédio será erguido com o mesmo conceito arquitetônico do Fórum Criminal, primeiro bloco da Cidade da Justiça, que já está em sua etapa final.

Ao todo, serão seis pavimentos, organizados em uma área total de sete mil metros quadrados, e que vai receber todos os Juizados Cíveis e de Fazenda Pública, de Trânsito, além das Turmas Recursais.

A iniciativa representa mais um importante passo na consolidação de um dos maiores projetos da história da instituição.

Ao destinar o segundo bloco do complexo ao Sistema dos Juizados, a administração do TJAC prioriza os cidadãos, já que essas unidades recebem pelo menos cinquenta por cento dos processos que ingressam no Judiciário Estadual.

Cidade da Justiça

Concebido como um dos principais e estratégicos projetos da atual gestão do TJAC, a Cidade da Justiça terá na qualidade e na eficiência do serviço público dois importantes princípios, seguindo a tendência dos modernos centros urbanos em concentrar espacialmente atividades e serviços públicos para melhor ocupação e organização da cidade.

O empreendimento permitirá a reunião de todos os serviços judiciários em um mesmo local, amplo e estruturado.

Com facilidade de acesso e transporte, a comunidade forense e a população serão recebidas com maior conforto e terão um atendimento mais otimizado.

É possível acompanhar todas as etapas do empreendimento por meio do link disponibilizado no site do Tribunal.

Cidade da Justiça

 

Postado em: Notícias | Tags:

Fonte: Atualizado em 14/10/2014