Atual gestão do Tribunal de Justiça do Acre entrega instalações do Restaurante do Servidor

Espaço localizado na Sede do Tribunal já está funcionando e tem elevado padrão de qualidade e excelência, com diferenciais em termos de acessibilidade e sustentabilidade ambiental.

A atual gestão do Tribunal de Justiça do Acre realizou nesta sexta-feira (17) um sonho acalentado há muito pelos servidores do Judiciário: um restaurante próprio, na Sede Administrativa da Instituição.

As instalações foram oficialmente entregues pela desembargadora-presidente Cezarinete Angelim, sendo que a obra foi iniciada e concluída em sua gestão.

O Restaurante do Servidor já está em pleno funcionamento, de maneira que as pessoas já poderão fazer uso, tanto do cardápio da lanchonete quanto do buffet (almoço). O espaço funciona das 7h às 17h, de segunda a sexta-feira.

inauguracao-restaurante-servidor-tjac-jun16-1

Era flagrantemente perceptível a satisfação estampada no rosto dos servidores, cujos sorrisos denunciavam a alegria e felicidade por esta conquista do Judiciário.

Abraços, elogios, selfies e comemorações contagiavam o ambiente no dia memorável.

A obra manteve elevado padrão de qualidade e excelência durante todas as etapas da construção.

Essa ação integra a programação especial alusiva aos 53 anos de instalação do TJAC, que conta com outras atividades.

A presença dos membros da Corte de Justiça Acreana demonstrou de modo inconteste o aspecto institucional do prestígio e importância da iniciativa. Além das desembargadoras Denise Bonfim e Regina Ferrari, vice-presidente e corregedora geral, respectivamente, estiveram presentes os desembargadores Eva Evangelista (decana); Samoel Evangelista, Pedro Ranzi, Roberto Barros, Laudivon Nogueira e Júnior Alberto. O desembargador Jersey Pacheco, que já integrou a Corte e presidiu o Tribunal, fez questão de comparecer.

inauguracao-restaurante-servidor-tjac-jun16-27

O disposto de honra incluiu a juíza-auxiliar da Presidência, Mirla Regina; o juiz de Direito Giordane Dourado, presidente da Associação dos Magistrados do Acre (Asmac); o presidente do Sindicato dos Servidores do Poder Judiciário (Sinspjac), Leuson Rangel; o representante do Ministério Público Estadual, Cosmo de Souza; o procurador Alberto Torres, representando o Poder Executivo e o servidor Eduardo Marques.

Juízes, diretores, gerentes, assessores, secretários e um número significativo de servidores estiveram no evento.

A solenidade

Ao som da Banda de Música da Polícia Militar, que embalava os presentes em tom festivo, a solenidade foi iniciada com desenlace da fita inaugural, com participação das autoridades.

inauguracao-restaurante-servidor-tjac-jun16-25

Também houve o descerramento da placa alusiva à entrega das instalações.

inauguracao-restaurante-servidor-tjac-jun16-12

Discursos, registros fotográficos, a apresentação do espaço e um coquetel integraram o a programação.

Os discursos

Inicialmente, a presidente do Tribunal fez uma menção especial. “Nosso agradecimento ao Criador por este momento tão especial para a história do Poder Judiciário do Estado do Acre, quando magistrados, servidores, estagiários, colaboradores e tantas outras pessoas poderão desfrutar dos serviços deste restaurante”, disse.

Cezarinete Angelim assinalou em sua fala qual a finalidade da obra e no que está inserida. “Este é um presente para os nossos servidores neste aniversário de 53 anos de Tribunal de Justiça. O restaurante faz parte de um programa maior de humanização que nossa gestão vem desenvolvendo. Trará um impacto direto em nossa qualidade de vida e saúde”, afirmou.

inauguracao-restaurante-servidor-tjac-jun16-11

Ao ressaltar que as boas práticas devem começar primeiro em casa e nos locais de trabalho (Judiciário), a desembargadora salientou que entrega do espaço vai muito além de “uma refeição de qualidade”. “Estamos fazendo mais versos e plantando flores, este ambiente foi pensado de forma a oferecer bem-estar e satisfação humana”.

O presidente do Sinspjac, Leuson Rangel, lembrou os benefícios obtidos pelo quadro funcional do Poder Judiciário Acreano na atual gestão, como o cumprimento integral do PCCR, auxílios saúde e alimentação. Bastante emocionado, ele exaltou a Administração da desembargadora-presidente Cezarinete Angelim pelo “belo espaço” entregue nesta sexta-feira (17).

inauguracao-restaurante-servidor-tjac-jun16-8

“Em nome dos 1.564 servidores que juntos aos magistrados também passam a usufruir desse espaço, eu agradeço à Presidência do TJAC e renovo votos de continuarmos trabalhando por mais melhorias em prol do servidor”, disse.

O juiz de Direito Giordane Dourado, presidente da Asmac, elogiou a arquitetura do ambiente e a forma cuidadosa como ele foi preparado para a solenidade de inauguração.“Existiam dois caminhos: construir um restaurante ou construir um restaurante com carinho, e vejo que carinho não faltou neste ambiente”, declarou, elogiando ainda a ousadia por parte da atual gestão ao construir obra de grande relevância para servidores e magistrados.

inauguracao-restaurante-servidor-tjac-jun16-9

O diferencial da obra

O Restaurante do Servidor possui diferencias em termos de engenharia, arquitetura, acabamento e decoração.

Houve a preocupação, por parte da gestão, inclusive de garantir a máxima qualidade no que tange às refeições oferecidas no local, já que a empresa contratada é tida como referência no Estado.

Não menos importante, os preços são convidativos, sendo que o cardápio bem variado possui diversas opções de comida mais saudável e light.

Dentre os detalhes do projeto, há itens que ampliam a acessibilidade de pessoas com deficiência ou dificuldade de locomoção.

Há um espaço recreativo, planejado para o descanso e descontração dos servidores.

A decoração se utiliza de fotografias cedidas pelo servidor Eduardo Marques (lotado na Câmara Criminal).

Os elementos internos e externos de arquitetura e jardinagem foram idealizados para criar uma atmosfera de paz, harmonia e tranquilidade.

Todo o restaurante foi desenvolvido a partir do princípio da sustentabilidade ambiental, com aproveitamento da luz solar e da água da chuva.

Toda a iluminação é feita com led, sistema que evita o desperdício de energia, pois não há geração de calor, de modo que todo o potencial energético é revertido em iluminação. Além disso, o prédio conta com eficiente sistema de tratamento de água e esgoto.

Já as lajes foram construídas em EPS, proporcionando isolamento termo acústico. Destaque-se também que todo o mobiliário adquirido possui laudo ecológico que atesta sua ergonomia e sustentabilidade.

Pensando na integração entre os servidores e promovendo ainda mais sua valorização, a Presidência vai oferecer transporte para os servidores que trabalham na Cidade da Justiça, onde já existe o Fórum Criminal e em breve será inaugurado o prédio dos Juizados Especiais Cíveis.

Postado em: Notícias | Tags:

Fonte: Ex. DIINS - Diretoria de Informação institucional Atualizado em 20/06/2016